Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10773/19141
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorAfreixo, Vera Mónica Almeidapt
dc.contributor.authorRodrigues, Carmen Lúcia Nevespt
dc.date.accessioned2017-12-06T11:57:49Z-
dc.date.available2017-12-06T11:57:49Z-
dc.date.issued2016-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10773/19141-
dc.descriptionMestrado em Matemática e Aplicaçõespt
dc.description.abstractNo mundo da ciência e investigação é comum encontrar dezenas e por vezes centenas de estudos sobre a mesma questão de pesquisa. Surge, então, cada vez mais a necessidade de agregar e sintetizar toda essa informação de maneira a que se torne mais útil aos investigadores. A meta-análise utiliza métodos estatísticos de forma a combinar e sumariar os resultados de vários estudos relacionados numa única medida resumo. Neste trabalho é feita uma breve descrição dos procedimentos mais comuns de meta-análise, em contexto de revisão sistemática, com maior ênfase nos modelos de efeito fixo e de efeitos aleatórios, nos métodos usados para obter o efeito global e nas formas de avaliação de heterogeneidade. É apresentada uma revisão sistemática e meta-análise realizada com o objetivo de avaliar a evolução, ao longo do tempo, da MIC (concentração mínima inibitória) de vancomicina em infeções por methicillin-resistant Staphylococcus aureus (MRSA), e a existência de tendência. Para a meta-análise foram considerados os valores médios de MIC de vancomicina e a proporção de observações com valores de MIC de vancomicina superiores ou iguais a 2 mg/l e avaliada a sua tendência. Verificou-se, por meta-análise, que não há evidência estatística de aumento da MIC de vancomicina ao longo do tempo.pt
dc.description.abstractIn the world of science and research it is common to find dozens and sometimes hundreds of studies on the same research question. Then comes the increasing need to aggregate and synthesize all this information so that it becomes more useful to researchers. Meta-analysis uses statistical methods to combine and summarize the results of several related studies in a single summary measure. This work presents a brief description of the most common meta-analysis procedures, in a systematic review context, focusing on fixed effect and random effects models, on methods used to obtain the overall effects and ways of evaluating heterogeneity. A systematic review and meta-analysis is presented in order to evaluate the evolution of the MIC (minimum inhibitory concentration) of vancomycin for infections by methicillin-resistant Staphylococcus Aureus (MRSA), and the existence of trend. For the meta-analysis, the mean MIC values of vancomycin and the proportion of observations with vancomycin MIC values greater than or equal to 2 mg / l were considered, and their trend was evaluated. It was found, by meta-analysis, that there is no statistically evidence of MIC creep phenomenon over time.pt
dc.language.isoporpt
dc.publisherUniversidade de Aveiropt
dc.rightsopenAccesspor
dc.subjectMatemáticapt
dc.subjectInvestigação médica - Métodos estatísticospt
dc.subjectMeta-análisept
dc.subject.otherMeta-análisept
dc.subject.otherMedida de efeitopt
dc.subject.otherEfeito globapt
dc.subject.otherModelos de meta-análisept
dc.titleMeta-análise em investigação clínicapt
dc.typemasterThesispt
thesis.degree.levelmestradopt
thesis.degree.grantorUniversidade de Aveiropt
dc.identifier.tid201936119-
Appears in Collections:MAT - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação.pdf1.76 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.