Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10773/17935
Title: Loja de retalho do futuro
Author: Pedrosa, João Pedro Oliveira
Advisor: Martins, Joaquim Arnaldo Carvalho
Machado, Ricardo Jorge Costa
Keywords: Aplicações móveis
Sistemas de informação
Smartphone
Realidade aumentada
Comércio electrónico
Comércio retalhista
Defense Date: 2016
Publisher: Universidade de Aveiro
Abstract: O mundo em que vivemos atualmente está em constante revolução devido à evolução tecnológica que se tem vindo a verificar nos últimos anos. O que é agora para nós normal e natural neste mundo, daqui a uns anos pode já nem o ser. E um dos mercados que tem sido mais afetado com esta explosão a nível tecnológico tem sido o mercado do retalho. Com o aparecimento das lojas online e compras através da internet em que entregam os produtos em nossa casa, são cada vez menos as pessoas que se deslocam a lojas físicas para efetuar as suas compras, o que pode levar a um possível desaparecimento das lojas físicas num futuro não muito distante. Assim sendo, as lojas têm de evoluir com a tecnologia e aproveitar os recursos que esta fornece, e nada melhor para isso que utilizar os aparelhos tecnológicos, que qualquer consumidor tem em sua posse, o seu smartphone. As lojas físicas têm de fazer com que os seus consumidores se desloquem à loja, e nada melhor para isso que conhecer bem o consumidor, dando-lhe uma experiência de compra que não poderá ter fazendo compras online e oferecendo-lhe promoções exclusivas só porque este se deslocou à loja. E a chave para desbloquear este problema é o smartphone, com ele é possível criar uma aplicação que crie uma nova experiência de compra para o cliente utilizando tecnologias como geofencing, realidade aumentada, indoor location e beacons. E em simultâneo vá recolhendo métricas que ajudem o dono da loja a conhecer melhor o seu cliente, podendo assim oferecer promoções e descontos exclusivos. A aplicação foi desenvolvida em Android e o backend foi desenvolvido em Django, tendo sido testada num caso de uso real
The world we live in today is in constant revolution due to the technological evolution that has taken place in recent years. What is now normal and natural for us may no longer be, in a few years. And one of the markets that has been most affected by this explosion in technology is the retail market. With the emergence of online stores and shopping over the internet in delivering the products in our home, less and less people, go to brick and mortar stores to make their purchases, which can lead to a possible disappearance of brick and mortar stores in a near future. Thus stores must evolve with technology and take advantage of the its resources. And nothing better for that, than using the technological devices that almost all consumers already have in their possession, the smartphone. Brick and mortar stores have to make their consumers moving to the store, and for that, they must know them in order to provide an unique shopping experience, that cannot be achieved with online shopping. For instance, they can offer them exclusive promotions, just because they went to the store. The key to unlock this problem is the smartphone. It allows to create a new and innovative shopping experience for the customer using technologies such as geofencing, augmented reality, indoor location and beacons. It also allows to collect data regarding consumers behaviour, that can help the shop owners to get to know them better. Thus being able to offer promotions and exclusive discounts. The application was developed for Android and the backend was developed in Django, having been tested in a real use case.
Description: Mestrado em Sistemas de Informação
URI: http://hdl.handle.net/10773/17935
Appears in Collections:DETI - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_joao_pedrosa_61565.pdf4.75 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterLinkedIn
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.