Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10773/30945
Title: PsyCap, self-leadership e satisfação no trabalho na área do turismo em Portugal
Author: Teixeira, Sandra Cristina Carvalho Aguiar
Advisor: Vitória, Andreia Tatiana
Vieira, Armando Luís
Keywords: Capital psicológico positivo
PsyCap
Self-leadership
Autoliderança
Satisfação no trabalho
Empreendimentos hoteleiros
Hotel
Agências de viagens
Turismo
Defense Date: 25-Feb-2021
Abstract: O Turismo é uma área económica onde a qualidade de desempenho dos recursos humanos assume uma importância preponderante. No caso específico dos estabelecimentos hoteleiros e das agências de viagens, estes possuem diversas características que se convertem em desafios à sua gestão e, em particular, à gestão dos seus colaboradores. Paralelamente, estas atividades, correspondem a áreas de serviços onde o relacionamento interpessoal é muito relevante e onde é elevada a exigência em relação ao trabalho e ao profissionalismo. Neste sentido, na presente investigação, desenvolvida no âmbito daquelas organizações turísticas, estudam-se constructos relacionados com os recursos humanos e que têm sido apontados como positivamente influenciadores dos resultados organizacionais, sendo eles: o PsyCap, a self-leadership e a satisfação no trabalho. O presente trabalho tem como objetivo geral analisar as relações existentes entre o PsyCap, a self-leadership e a satisfação no trabalho, no setor do Turismo, sendo o estudo destas relações feito através da análise das ligações diretas existentes entre elas. Paralelamente, definiu-se como objetivo secundário explorar se alguns parâmetros sociodemográficos (área de trabalho, sexo, idade, formação académica, tempo de experiência de trabalho e localização geográfica) influenciam os níveis do PsyCap, da self-leadership e da satisfação no trabalho. Para concretização destes objetivos foi utilizado um modelo de análise que abrangeu as estatísticas descritiva, exploratória e inferencial, assim como diversas técnicas estatísticas (univariada, bivariada e multivariada). Em particular, aplicaram-se as técnicas de correlação, regressão linear, Teste T para Amostras Independentes e Análise de Variância (ANOVA). A recolha de dados primários foi concretizada através de um inquérito por questionário, aplicado a uma amostra de 390 trabalhadores na área do Turismo em Portugal, sendo 235 diretores de estabelecimentos hoteleiros e 155 dirigentes de agências de viagens. Os resultados obtidos evidenciam que os valores médios das três variáveis em estudo são relativamente elevados. Mais ainda, foi possível verificar que o PsyCap e a self-leadership têm influência nos níveis de satisfação no trabalho. Para além disso, constatou-se a existência de um relacionamento positivo, bidirecional, entre o PsyCap e a self-leadership, havendo uma influência positiva do PsyCap em todas as dimensões da self-leadership. Por seu turno, a análise da influência de parâmetros sociodemográficos nos níveis do PsyCap, da self-leadership e da satisfação no trabalho, não identificou qualquer correlação estatisticamente significativa entre os parâmetros sociodemográficos e o PsyCap e a satisfação no trabalho. Já no domínio da self-leadership, os resultados obtidos indiciaram que, globalmente, esta não é influenciada pelas variáveis sociodemográficas. Contudo, em algumas subescalas e em relação a alguns parâmetros, identificaram-se diversas correlações (positivas e negativas) tendo sido encontradas diferenças estatisticamente significativas entre grupos. Uma ideia final a reter, como súmula deste trabalho, é que as três variáveis em estudo são fatores importantes para a gestão, uma vez que PsyCap, self- -leadership e satisfação no trabalho se influenciam positivamente entre si, favorecem comportamentos adequados, combatem efeitos indesejados e, por consequência, suscitam melhores resultados organizacionais. Esta investigação contribui com orientações práticas, do ponto de vista da gestão, que visam a melhoria da qualidade de desempenho das pessoas e das organizações. Enquadram-se neste âmbito, designadamente, a sugestão de inclusão das variáveis nos processos de recrutamento e de seleção, assim como em programas de formação e de manutenção dos recursos humanos, com vista ao reforço da organização com pessoas mais adequadas à sua missão, à sua visão e aos seus valores, assim como às exigências de uma nova dinâmica global. A montante destas contribuições, encontram-se outras de cariz teórico, que permitem colmatar lacunas de investigação e desenvolver o conhecimento no âmbito do Turismo e, em particular, no domínio da gestão de empresas turística.
Tourism is an economic area where the quality of human resources performance is of great importance. In the specific case of hotels and travel agencies, they have several characteristics that become challenges to their management and, in particular, to the management of their employees. In parallel, these activities correspond to service areas where interpersonal relationships are very relevant and where there is a high demand for work and professionalism. In this regard, in the present investigation, developed within the scope of those tourist organizations, constructs related to human resources and which have been identified as positively influencing organizational results are studied, namely: PsyCap, self-leadership and job satisfaction . The main goal of the present work is to analyze the existing relationships between PsyCap, self-leadership and job satisfaction, in the Tourism area, and the study of these relationships is done through the analysis of the direct links between them. Concurrently, the secondary goal, that was defined, is to explore whether some sociodemographic parameters (work area, gender, age, academic background, length of work experience and geographic location) influence the levels of PsyCap, self-leadership and job satisfaction. To achieve these goals, an analysis model that covered descriptive, exploratory and inferential statistics was used, as well as several statistical techniques (univariate, bivariate and multivariate). In particular, techniques of correlation, linear regression, T Test for Independent Samples and Analysis of Variance (ANOVA) were applied. The collection of primary data was carried out through a questionnaire survey, applied to a sample of 390 workers in the Tourism area, in Portugal, with 235 hotel managers and 155 travel agencies managers. The results obtained show that the mean values of the three variables under study are relatively high. Furthermore, it was possible to verify that PsyCap and self-leadership have an influence on job satisfaction levels. In addition, there was a positive, two-way relationship between PsyCap and self-leadership, with PsyCap having a positive influence on all dimensions of self-leadership. On the other hand, the analysis of the influence of sociodemographic parameters on PsyCap, self-leadership and job satisfaction levels, did not identify any statistically significant correlation between sociodemographic parameters and PsyCap and job satisfaction. In the self-leadership domain, the results obtained indicated that, globally, this is not influenced by sociodemographic variables. However, in some subscales and in relation to some parameters, several correlations (positive and negative) were identified and statistically significant differences between groups were found. A final idea to be retained, as a summary of this work, is that the three variables under study are important factors for management, since PsyCap, self-leadership and job satisfaction influence each other positively, favor appropriate behaviors, combat unwanted effects and, consequently, raise better organizational results. This investigation contributes with practical guidelines, from the point of view of management, which aim to improve the quality of people and organizations performance. Within this scope, namely, the suggestion of including variables in the recruitment and selection processes, as well as in training and maintenance programs for human resources, in order to strengthen the organization with people more suited to its mission, to its vision and values, as well as the demands of a new global dynamic. Upstream of these contributions, there are others of a theoretical nature, which make it possible to fill research gaps and develop knowledge in the Tourism area and, in particular, in the tourism management area.
URI: http://hdl.handle.net/10773/30945
Appears in Collections:UA - Teses de doutoramento
DEGEIT - Teses de doutoramento

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Documento_Sandra_Teixeira.pdf2.73 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterLinkedIn
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.