Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10773/28762
Title: Avaliação das perceções e atitudes dos residentes face à apropriação dos espaços públicos pelos turistas: o caso de Aveiro
Author: Moleiro, Diogo Filipe Matos
Advisor: Breda, Zélia
Carneiro, Maria João Aibéo
Keywords: Residentes
Impactes do turismo
Gentrificação
Espaço público
Apropriação
Perceções
Atitudes
Turismo urbano
Cidades
Aveiro
Defense Date: Dec-2019
Abstract: O presente trabalho pretende analisar as perceções e atitudes dos residentes face à apropriação dos espaços públicos por parte dos turistas e de que forma a perceção dessa apropriação pode influenciar ou não, a atitude dos residentes para com os turistas aquando de momentos de interação em espaços públicos comuns. Partindo de uma base teórica onde se procede à análise dos impactes socioculturais do turismo em destinos urbanos, dos fatores que determinam a perceção destes impactes junto da comunidade residente, nomeadamente na restruturação do espaço, procura-se compreender também, a nível empírico, se a perceção destes impactes, sobretudo os relacionados com a apropriação dos espaços, afeta a identidade da comunidade, e que tipo de atitude advém desta perceção. Esta análise afigura-se pertinente na medida em que, sendo este um estudo exploratório, não existem recursos bibliográficos sobre esta temática, pelo que deveremos basear-nos na informação existente, tentando enquadrar a mesma de forma indireta na problemática a ser analisada nesta dissertação. Sendo Aveiro uma cidade que apresenta distintas particularidades na área do turismo, onde o património cultural, material e imaterial, carateriza a identidade da cidade e serve também como recurso turístico à própria atividade, o caso de estudo incide na freguesia de Glória e de Vera Cruz. A opção de escolha incidiu sobre o fator centralidade da própria freguesia. O objetivo do estudo empírico é explorar os fatores que influenciam as perceções dos residentes relativamente à apropriação dos espaços públicos pelos turistas e analisar em que medida esta perceção da apropriação influencia a atitude dos residentes relativamente aos turistas. Esta tarefa implicou a aplicação de um inquérito por questionário (N=301) e de um inquérito por entrevista (N=30) aos residentes desta freguesia em análise, tendo-se utilizado o processo de amostragem por conveniência. Os resultados que emergem desta investigação permitem observar que globalmente os residentes da freguesia de Glória e Vera Cruz consideram que o turismo tem mais impactes positivos do que negativos para o destino. Observa-se, no entanto, que os residentes percecionam já alguns impactes negativos do turismo. Isto é também visível ao nível das perceções de apropriação do espaço. Estas perceções de apropriação tendem a ser influenciadas, sobretudo pelas perceções de existência de impactes positivos e negativos, mas a perceção de um tipo de utilização positiva dos espaços foi também influenciada pelas características sociodemográficas dos residentes e pela interação destes com os turistas. No que diz respeito às atitudes dos residentes relativamente ao turismo, estas tendem a ser mais positivas do que negativas. Observa-se ainda que estas atitudes são significativamente influenciadas por diversas perceções de apropriação do espaço. A dissertação termina com algumas linhas de orientação para a conceção de políticas e estratégias de desenvolvimento turístico que promovam uma melhor utilização dos espaços públicos por parte dos turistas.
This dissertation aims to analyse the residents' perceptions and attitudes towards the appropriation of public spaces by tourists and how the perception of this appropriation may or may not influence residents' attitudes towards tourists during moments of interaction in common public spaces. Based on a theoretical framework where the sociocultural impacts of tourism in urban destinations are analysed, as well as the factors that determine the perception of these impacts with the local community, namely in the restructuring of the space. It is also sought to understand, at the empirical level, whether the perception of these impacts, especially those related to the appropriation of spaces, affects the identity of the community, and what kind of attitude comes from this perception. This analysis is pertinent to the extent that, since this is an exploratory study, there are no bibliographic resources on this subject, so we should be based on the existing information, trying to frame it indirectly on the problem analysed. As Aveiro is a city that presents distinct peculiarities in the tourism area, where the material and immaterial cultural heritage characterizes the identity of the city and also serves as a tourism resource for the activity itself, the case study focuses on the parish of Gloria and Vera Cruz. The choice focused on the centrality factor of the parish itself. The aim of the empirical study is to explore the factors that influence residents' perceptions of tourists' appropriation of public spaces and to what extent this perception of appropriation influences residents' attitudes towards tourists. This task involved the application of a questionnaire survey (N = 301) and an interview survey (N = 30) to residents of this parish, using the convenience sampling process. The results that emerge from this research allow us to observe that overall the residents of Glória and Vera Cruz consider that tourism has more positive impacts than negative ones. However, it is observed that residents already perceive some negative impacts of tourism. This is also visible in terms of perceptions of the appropriation of space. These perceptions of appropriation tend to be influenced, mainly, by the perceptions of positive and negative impacts, but the perception of a type of positive use of spaces was also influenced by the residents' sociodemographic characteristics and their interaction with tourists. Regarding residents' attitudes towards tourism, these tend to be more positive than negative. It is also observed that these attitudes are significantly influenced by various perceptions of space appropriation. The dissertation ends with some guidelines for the design of policies and strategies for tourism development that promote a better use of public spaces by tourists.
URI: http://hdl.handle.net/10773/28762
Appears in Collections:DEGEIT - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Diogo Moleiro_dissertação.pdf2.45 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterLinkedIn
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.