Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10773/27924
Title: Determinants of red fox (Vulpes vulpes) occupancy patterns in Eucalyptus dominated landscapes
Other Titles: Determinantes dos padrões de ocupação da raposavermelha (Vulpes vulpes) em paisagens dominadas por Eucalyptus
Author: Castro, Guilherme Viana de
Advisor: Fonseca, Carlos Manuel Martins Santos
Rosalino, Luís Miguel do Carmo
Keywords: Production forests
Eucalyptus
Carnivore mammals
Red fox
Occupancy patterns
Camera trapping
Defense Date: 2019
Abstract: The transition of natural areas to forestry plantations is a growing worldwide phenomenon with direct consequences to biodiversity and entire ecosystems by changing forest’s composition and structure. Production plantations are often composed by fast-growing exotic species, aiming economic profit, often at the expense of well-suited habitats for wildlife and ecosystems’ functionality. In the Mediterranean region, production forests composed by Eucalyptus spp. are widely distributed, forming monospecific landscapes with impactful changes in many taxa and altering important ecological dynamics. Given the extension of these production forests, it is important to understand how and in what extent this forest transition influences the ecological dynamics of native biodiversity. In this study, and based on camera trapping data, we evaluate the influence of Eucalyptus globulus production forests in the occupancy patterns of mesocarnivores, using as species-model the red fox (Vulpes vulpes) in Central Portugal region. Based on a single-season analysis, best-fitted model for red fox detection probability shows a negative influence of tree cover. The occupancy analysis revealed a positive influence of tree cover in red fox occupancy, showing a preference this canid for well-developed forests with a mature tree cover. Also, natural and semi-natural forests showed higher red fox occupancy in comparison with Eucalyptus production forests. The results of this study unravel relevant insights on the influence of production forests in red fox ecology and thus, may contribute to more integrative measures aiming mesocarnivores conservancy in forestry plantations, in the line with a sustainable exploitation of these plantations.
A transição de áreas naturais para florestas de produção é um fenómeno global crescente com consequências diretas nos níveis de biodiversidade e funcionalidade dos ecossistemas, associadas às alterações da composição e estrutura das florestas naturais. As florestas de produção são frequentemente constituídas por espécies exóticas e de rápido crescimento, usadas com o objetivo de obter rendimento económico, muitas vezes em prejuízo de habitats para a vida selvagem e do bom funcionamento dos ecossistemas. Na região mediterrânica, as florestas de produção compostas por diferentes espécies do género Eucalyptus estão amplamente distribuídas, formando paisagens monoespecíficas com impactos em muitos taxa e alternando importantes dinâmicas ecológicas. Dada a extensão destas florestas, é importante perceber como e em que medida estas plantações florestais influenciam as dinâmicas ecológicas da biodiversidade nativa. Neste estudo, e baseado em dados recolhidos por armadilhagem fotográfica, avaliámos a influência das florestas de produção de Eucalyptus globulus nos padrões de ocupação de mesocarnívoros, usando como espécie-modelo a raposa-vermelha (Vulpes vulpes) na região centro de Portugal Continental. A análise uni-sazonal demonstrou que o modelo mais suportado para a probabilidade de deteção da raposa demonstra uma influência negativa da cobertura arbórea. A análise dos padrões de ocupação revela uma influência positiva da cobertura arbórea na ocupação da raposa, mostrando a preferência da raposa por florestas maduras com um substrato arbóreo bem desenvolvido. Áreas naturais demonstram ter uma maior ocupação pela raposa comparativamente a áreas de produção de eucalipto. Os resultados deste estudo evidenciam padrões importantes sobre a influências das florestas de produção de eucalipto na ecologia da raposa e, por isso, são uma importante para a definição de medidas integrativas de conservação de mesocarnívoros em florestas de produção, em consonância com uma exploração sustentável destas plantações.
URI: http://hdl.handle.net/10773/27924
Appears in Collections:DBio - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Versão final.pdf9.62 MBAdobe PDFembargoedAccess


FacebookTwitterLinkedIn
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.