Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10773/21181
Title: História, memória e colonialidade: análise e releitura crítica das fontes históricas e arquivísticas sobre a música em Moçambique
Author: Lichuge, Eduardo Adolfo
Advisor: Sardo, Susana Bela Soares
Keywords: Etnologia - Grupos étnicos - Moçambique
Identidade cultural História da música - Moçambique
História da música - Moçambique
Defense Date: 16-Feb-2016
Publisher: Universidade de Aveiro
Abstract: O conhecimento sobre Moçambique e a sua música foi construído a partir de um olhar alheio à cultura moçambicana. Os seus autores eram missionários cristãos ao serviço de diversas ordens religiosas e ainda etnógrafos, antropólogos, militares, administradores coloniais, comerciantes e outros indivíduos que a registaram e descreveram de acordo com um olhar exógeno, condicionando desse modo a forma como Moçambique e a sua música ficaram representados. Assim, o objetivo deste trabalho é analisar os vários tipos de discursos produzidos sobre a música de Moçambique, com enfoque especial para os mgodo chope de Zavala. Procuro fazer uma releitura crítica sobre os discursos coloniais produzidos sobre a música de Moçambique, em particular sobre os mgodo chope, e como é que eles condicionaram o modo como hoje o conceito de “música moçambicana” foi apropriado pelas instituições nacionais. Finalmente, procuro perceber como se revêem os músicos moçambicanos, enquanto protagonistas de uma música descrita por outros.
The knowledge about Mozambique and its music was often constructed from a European perspective. Its authors were Christian missionaries working for the various religious orders and ethnographers, anthropologists, military, colonial administrators, merchants and other individuals who registered and described the music of Mozambique according to their point of view, conditioning the way Mozambique and its music were represented. I analyse the various types of discourses produced about the music of Mozambique, with special focus on the mgodo chope from Zavala. This study is a critical rereading of the colonial discourses produced on the music of Mozambique, how they conditioned the concept of "Mozambican music", and how national institutions appropriated it. Finally, I try to understand, how the Mozambican musicians see themselves as protagonists of a music described by others.
Description: Doutoramento em etnomusicologia
URI: http://hdl.handle.net/10773/21181
Appears in Collections:DECA - Teses de doutoramento
UA - Teses de doutoramento

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese Eduardo_05. Jan 2017_Final.UA.pdf3.9 MBAdobe PDF    Request a copy


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.