Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10773/14221
Title: A produção escrita dos alunos da 12ª classe: coerência textual
Author: Jamal, Marlene Vanessa Marques
Advisor: Torrão, João
Keywords: Línguas, literaturas e culturas
Ensino secundário - Moçambique
Língua portuguesa - Ensino - Moçambique
Escrita
Defense Date: 2014
Publisher: Universidade de Aveiro
Abstract: O presente trabalho sobre a coerência textual na produção escrita - caso dos alunos da 12ª classe da ESG 25 de Setembro, cidade de Quelimane surge das constatações que fizemos ao longo da nossa formação e que nos levaram a inferir que muitos alunos têm dificuldades de produzir texto. Deste modo, decidimos levar a cabo uma pesquisa com o objetivo de compreender como é efetuada a coerência textual nas produções escritas destes alunos assim como, identificar as causas que estão na origem dos problemas de coerência textual com vista a melhorar a qualidade de escrita dos mesmos visto que se encontram num nível de escolaridade avançado. Assim, por meio da entrevista, do questionário bem como dos textos produzidos pelos alunos, da consulta bibliográfica constatámos que estes têm dificuldades de produzir textos aplicando os mecanismos de coesão e em particular de coerencia textual. Apuramos também que há ocorrência de expressões que enunciam situações anormais para o leitor e existe a irrelevância de alguns elementos cognitivos. Com isso, em resposta a questão de investigação inicilamente avançada: Quais são as estratégias utilizadas pelos professores para a melhoria da escrita dos alunos quanto à coerência textual, notámos uma certa falta de entrega por parte dos professores que se limitam a afirmar que os problemas que os alunos enfrentam vem das classes anteriores, mas que têm orientado a realização de atividades em grupos, onde os alunos produzem textos e posteriormente trocam tais textos pelos grupos para a sua devida correção, controlam os cadernos dos alunos e orientam resumos. Contudo, tais atividades não são realizadas com frequência e sim de vez em quando. Falta também, segundo os professores entrevistados, dedicação dos próprios alunos que encaram a atividade sem motivação. É de frisar que a escrita tem relevância especial durante os anos de escolaridade em razão da importância particular atribuida à aprendizagem dessa competência. Portanto, é impossivel realizarmos boas produções ecritas ou orais se não nos forem dadas ferramentas propícias para o desenvolvimento das mesmas. Em suma, com os resultados obtidos, sugerimos que o aluno seja elemento ativo na sua formação, conhecendo as suas carências assim como as suas potencialidades linguísticas de forma a melhorar a sua competência na àrea da escrita. Por sua vez, os professores também devem ser mais exigentes com as produções escritas dos seus alunos e não só como devem estimular o desejo de aprender dos mesmos encontrando para isso as melhores estratégias didático-metodológicas.
The present work on textual coherence in written production - For students of 12 grade of ESG 25 de Setembro in Quelimane city arises from findings that we did throughout our training and that led us to infer that many students have difficulties to produce text. Thus, we decided to carry out a survey in order to understand how textual coherence is produced in written production of these students, as well as to identify the causes underlying the problems of textual coherence in order to improve writing quality of the same since they are in an advanced level of education. Being so; through the interview, the questionnaire and the texts produced by the students, the bibliographic researched, we found that they have difficulties in producing texts applying cohesion mechanisms and especially in textual coherence. In addition, we found that there is occurrence of abnormal situations phrases for the reader and there is the irrelevance of some cognitive elements. Thus, in response to the question initially advanced in the research: What are the strategies used by teachers to improve students' writing as textual coherence? We noticed a certain lack of sense of responsibility by teachers who were limited to assert that the problems students face come from previous grades; moreover, they have been guiding the conduct of activities in groups, where students produce texts and later exchange texts by such groups for duly correction. They also verify the students' notebooks and guide summaries. However, such activities are not carried out frequently. According to the teachers interviewed, there is a lack of dedication of the students themselves who partake in the activities without motivation. It is to emphasize that writing is especially relevant during the years of schooling because of the particular importance attributed to its aptitudes and competences. Therefore, it is impossible to accomplish good written or utterance production if significant tools for its development are not given. In conclusion, the results obtained suggest that the student is an active element in their training, knowing their needs as well as their linguistic capabilities in order to improve their competence in writing. In turn, teachers should also be more demanding with the written productions of their students; moreover, they have to stimulate the desire to learn by finding the best didactic-methodological strategies.
Description: Mestrado em Línguas, Literaturas e Culturas - Estudos Portugueses
URI: http://hdl.handle.net/10773/14221
Appears in Collections:DLC - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
a produção escrita dos alunos da 12a classe.pdf409.68 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.