Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10773/12656
Title: A identidade construída: arte como representação visual de modelos
Author: Vasconcelos, Igor
Advisor: Bessa, José Pedro Barbosa Gonçalves de
Keywords: Criação Artística
Arte contemporânea
Moda - Aspectos sociais
Moda - Identidade
Hábitos de consumo
Defense Date: 2011
Publisher: Universidade de Aveiro
Abstract: Este projecto orienta-se em torno de um corpo simbólico de trabalhos que explora o processo de construção da identidade do indivíduo (hiper)moderno urbano. Com o desenvolvimento das tecnologias, a globalização e o crescimento das cidades, a construção da identidade tornou-se um processo fluido e mutável de acordo com as situações sociais. A moda e o consumo tornam-se agentes influentes neste processo, pois assumem o lugar das velhas ideologias, nomeadamente Igreja e Estado, e funcionam inseridos no paradigma do sistema capitalista de funcionamento. Nesta abordagem, a arte, para além da sua função de expressão cultural, surge como um reflexo dessas mudanças e inevitavelmente parte integrante do processo de consumo. Outro aspecto da construção da identidade é a questão do género, e como este se organiza nos tempos atuais, em conformidade com a vontade individual e o desejo, diante da organização da sociedade (hiper)moderna. A representação que surge, através da arte, de um novo modelo de género e sexualidade múltiplos faz com que o campo artístico valide essa nova imagem de homens e mulheres através de sua representação. A substância deste trabalho é, assim, a reflexão sobre a questão da identidade e sobre como os factores que são responsáveis por este processo de construção se relacionam com a arte contemporânea.
This project is oriented around a symbolic work that explores the process of building the identity of the urban (hyper)modern man. With the development of technologies, globalization and urban growth, the construction of identity has become a fluid process and changeable according to social situations. The fashion and consumption become powerful actors in this process, assuming the place of old ideologies, e.g. the Church and the State, and being embedded in the paradigm of the capitalist system of operation. In this approach, the art comes in addition to its function of cultural expression, as a result of these changes and inevitably part of the consumption process. Another aspect of the construction of identity is the gender issue, and how it organizes itself in modern times, in accordance with the wishes and desires that rise amidst the organization of modern society. The representation that emerges, through art, this new, multiple model of gender and sexuality makes the artistic field validate this new image of men and women through their representation. The substance of this work is thus a reflection on the question of identity and how those factors which are responsible for this process of construction relate to contemporary art.
Description: Mestrado em Criação Artística Contemporânea
URI: http://hdl.handle.net/10773/12656
Appears in Collections:DeCA - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese.pdftese2.18 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.