Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10773/10497
Title: Qualidade de vida em idosos pós implante coclear: revisão sistemática
Other Titles: Quality of life in elderly post cochlear implant: systematic review
Author: Rebelo, Cristiana Patrícia Gonçalves da Costa
Advisor: Brandão, Maria Piedade Moreira
Keywords: Gerontologia
Pessoas idosas
Deficientes auditivos
Implantes cocleares
Qualidade de vida
Defense Date: 2012
Publisher: Universidade de Aveiro
Abstract: Nos países desenvolvidos, com a melhoria dos cuidados de saúde, a qualidade de vida também tem aumentado, contribuindo para o aumento da esperança média de vida e consequentemente para o aumento da população idosa. De acordo com a Organização Mundial Saúde, a deficiência auditiva é uma doença crónica que afeta mais de 275 milhões de pessoas em todo o mundo. A reabilitação auditiva nos casos de deficiência auditiva sensorioneural severa a profunda bilateral tem sido feita com recurso ao implante coclear. O implante coclear é considerado como uma técnica eficaz e segura, que promove uma significativa melhoria da qualidade de vida das pessoas, incluindo as mais idosas. O presente trabalho teve como objetivo realizar uma revisão sistemática da literatura acerca do impacto da colocação do implante coclear na qualidade de vida das pessoas idosas. Os estudos foram procurados na Academic Search Complete, Medline With Full Text, PubMed, Science Direct, Scopus, Web of Knowledge, Web of Science e Wiley Online Library. Dos 269 estudos encontrados apenas 26 foram considerados elegíveis para serem analisados numa segunda fase. Dezanove destes estudos não cumpriam os critérios de inclusão pelo que foram considerados inelegíveis. Sete estudos foram incluídos nesta revisão. Nos diferentes estudos analisados, encontraram-se disparidades na definição da população idosa, no número de participantes e nos instrumentos de avaliação utilizados, o que implica alguma cautela na sua interpretação. Os sete estudos selecionados apresentaram uma qualidade satisfatória (50%-80% dos critérios preenchidos), de acordo com a classificação STROBE. A colocação do implante coclear na população idosa continua a ser bastante discutida, dada a possibilidade destes indivíduos poderem não obter tantos benefícios do implante quanto as pessoas mais jovens. Conclui-se que a técnica envolvida é uma intervenção segura e efetiva, que traz benefícios ao nível da qualidade de vida. Em todos os estudos verificou-se que o impacto da colocação dos implantes cocleares na qualidade de vida das pessoas idosas é positivo, isto é, houve melhoria após essa técnica de intervenção. Dado que apenas um em sete estudos contemplou um instrumento de avaliação específico para a qualidade de vida das pessoas com implante coclear, há necessidade de se realizarem mais estudos que contemplem esse tipo de instrumento. Assim, poderá haver maior certeza e rigor nos benefícios dos implantes cocleares na qualidade de vida das pessoas idosas.
In developed countries, with improvement of health care, quality of life has also increased, contributing to the increase in average life expectancy and consequently to the increasing elderly population. According to World Health Organization, hearing loss is a chronic disease that affects over 275 million people worldwide. The auditory rehabilitation in cases of bilateral profound sensorineural hearing loss has been made using a cochlear implant. The cochlear implant is considered as a safe and effective technique that promotes a significant improvement in the quality of life of people, including the elderly. This study aimed to systematic review of the literature about the impact of cochlear implant placement in the quality of life of older people. Studies were sought using Academic Search Complete, With Full Text Medline, PubMed, Science Direct, Scopus, Web of Knowledge, Web of Science and Wiley Online Library. Were identified as not relevant 269 studies found but 26 were eligible for analysis in the second phase. Nineteen of these studies did not meet the inclusion criteria were therefore ineligible. Seven studies were included in this review. In different studies analyzed, we found differences in the definition of the elderly population, the number of participants, and the instruments used in the evaluation, which implies some caution in its interpretation. The seven selected studies showed a satisfactory quality (50% -80% of the criteria fulfilled), according to the STROBE guidelines. The placement of cochlear implants in the elderly population continues to be widely discussed, given the possibility that these individuals may not get as many benefits as the implant younger people. We conclude that the technique involved is a safe and effective intervention, which brings benefits in terms of quality of life. In all studies we found that the impact placing the implant cochlear in quality of life of the elderly is positive, i.e. there was improvement after this intervention technique. Given that only one in seven studies included an assessment tool specific to the quality of life for people with cochlear implants, there is need to carry out further studies that address this type of instrument. Thus, can be greater certainty and rigor in the benefits of cochlear implants in the quality of life of older people.
Description: Mestrado em Ciências da Fala e da Audição
URI: http://hdl.handle.net/10773/10497
Appears in Collections:DCM - Dissertações de mestrado
DLC - Dissertações de mestrado
DETI - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação.pdf757.92 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterLinkedIn
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.