DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Biologia > BIO - Dissertações de mestrado >
 Estudo da dinâmica populacional de Grateloupia turuturu na costa portuguesa
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/918

title: Estudo da dinâmica populacional de Grateloupia turuturu na costa portuguesa
authors: Vieira, Raquel Pinheiro
advisors: Machado, Isabel Maria Trigueiros de Sousa Pinto
keywords: Zonas costeiras
Espécies exóticas
Algas
issue date: 2009
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: Grateloupia turuturu (Yamada) (Halymeniales, Halymeniaceae) tem vindo a ser descrita como uma espécie invasora na costa Atlântica e Mediterrânica e foi encontrada pela primeira vez em Portugal em 1998. O aparecimento de uma espécie invasora num ecossistema pode ter consequências nefastas, na medida em que pode provocar mudanças na estrutura original das comunidades indigenas. O sucesso de uma espécie invasora depende em parte da sua forma de reproduçâo, taxa de crescimento e potencial de dispersão. Como tal, este trabalho pretende estudar a dinâmica populacional e o comportamento demográfico das populações de Grateloupia turuturu na costa norte Portuguesa. A metodologia adoptada para o desenvolvimento do trabalho compreendeu a colocação de painéis de PVC em duas praias (Gondarém e Aguda) onde Grateloupia turuturu se encontrava bem estabelecida. Mensalmente e durante o período de doze meses, os painéis foram transportados para o laboratorio onde foi estudada a evolução temporal das comunidades estabelecidas e registados vários parâmetros relativos aos indivíduos de Grateloupia turuturu. Em duas épocas do ano, Inverno e Verão, foi feito um levantamento floristico das comunidades envolventes de Grateloupia turuturu para os dois locais. Os resultados deste trabalho demonstraram que as comunidades de macroalgas onde se insere Grateloupia turuturu foram diferentes nos dois locais estudados. A evolução temporal das comunidades estabelecidas nos painéis foi também diferente em que as duas populaçóes se tornaram cada vez mais diferentes ao longo do tempo. Foram encontrados indivíduos de Grateloupia turuturu ao longo de todo o ano nos dois locais embora o comprimento. biomassa, densidade e diferenças de tamanhos das frondes tenham variado sazonalmente, apresentado valores mais elevados na PrimaveraNerâo. No entanto, a relação biomassa-densidade indicou que estes parâmetros estão positivamente correlacionados nas duas populações, verificando-se efeitos denso-dependentes apenas na praia da Aguda nos meses de crescimento mais intenso. Parâmetros da dinâmica populacional como as biomassas elevadas e a presença de recrutas durante todo o ano, parecem indicar que Grateloupia turuturu poderá tornar-se uma espécie potencialmente invasora na costa norte Portuguesa.

Grateloupia turuturu (Yamada) (Halymeniales, Halymeniaceae) has been described as an invasive species on the Mediterranean and Atlantic coast and was found for the first time in Portugal in 1998. The occurrence of an invasive species in an ecosystem can have disastrous consequences as it can cause changes to the original structure of the indigenous communities. The success of an invasive species largely depends on its reproduction mode, growth rate and potential for dispersal. The aim of this work is to study the population dynamics and demographic behaviour of populations of Grateloupia turuturu on the north of Portuguese coast. The methodology adopted consisted in the installation of recruitment panels at two beaches (Gondarem and Aguda) where Grateloupia turuturu is well established. Every rnonth during twelve months, the panels were transported to the laboratory where were studied the temporal evolution of established communities and registered parameters related to individuals of Grateloupia turuturu. Twice a year. during Winter and Summer, a floristic survey of species surrounding Grateloupla turuturu communities at the two locations was made. The results of this study show that the macroalgal communities where Grateloupia turuturu occurs are different at the two locations studied. The temporal evolution of the communities established on the artificial panels was different at the beginning of work and they evolved in opposite directions. Grateloupia turuturu was present throughout the year but the size (length and biomass), density and size structure of fronds of the individuals varied seasonally, presenting higher values in Summer. However, the biomassdensity relation indicated that the parameters are positively correlated in the two populations, and density-dependent effects occur in Aguda during the months of maximum growth. This suggests that despite the fact that the variables are well connected the populations cannot expand indefinitely without suffering the effects of regulatory processes. Population parameters such as high biomass and the presence of recruits throughout the year, seem to indicate that Grateloupia turutliru could becorne potentially invasive on the northern Portuguese coast.
description: Mestrado em Ciências das Zonas Costeiras
URI: http://hdl.handle.net/10773/918
appears in collectionsBIO - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado
PT Mar - Dissertações de mestrado

files in this item

file description sizeformat
2009001261.pdf4.22 MBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2