DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Biologia > BIO - Dissertações de mestrado >
 Infecções por Escherichia coli em ambiente hospitalar
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/862

title: Infecções por Escherichia coli em ambiente hospitalar
authors: Carlos, Anabela da Silva
advisors: Barroso, Sónia Alexandra Leite Velho Mendo
keywords: Microbiologia
Microorganismos patogénicos
Resistência a antibióticos
Infecções hospitalares
Aparelho urinário
issue date: 2009
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: A etiologia microbiana das ITU tem-se mantido mais ou menos constante ao longo do tempo, sendo a E. coli predominante quer nas infecções adquiridas na comunidade quer nas adquiridas no hospital. No entanto, os patogénicos apresentam actualmente algumas alterações no que respeita às resistências dos antimicrobianos. Deste modo, é imprescíndivel conhecer as suas susceptibilidades de forma a tornar a terapêutica mais atempada, rápida e eficaz sem, no entanto contribuir para a emergência de novas estirpes resistentes. O principal objectivo: determinar quais os microrganismos nas ITU e o perfil de sensibilidade do mais frequente. O estudo incidiu sobre amostras de urinas de utentes com suspeita de infecção urinária, remetidas ao Laboratório do Hospital de Aveiro durante os meses de Janeiro e Fevereiro de 2007. As amostras foram incluídas no estudo de um modo aleatório, sem preferência por qualquer patologia ou proveniência, sendo processadas segundo o protocolo do serviço. A identificação dos germens e determinação da sensibilidade foram efectuadas no sistema VITEK. Resultados : das 135 amostras positivas, E. coli foi o mais frequente (53%) e mostrou-se mais sensível à gentamicina e nitrofurantoína e menos sensível à ampicilina. Conclusão: a maior frequencia de ITU ocorre nos primeiros e últimos anos de vida (bebés/crianças e idosos), com predomínio no sexo feminino. Quanto à eleição do antimicrobiano para o tratamento das ITU, esta deve basear-se, sempre que possível, nos resultados laboratoriais. Mas, com base nos nossos dados que obtivemos e de entre os antimicrobianos testados, os fármacos mais adequados são: gentamicina, nitrofurantoína e cefalotina. Este e outros estudos análogos permitem evitar o aumento das resistências microbianas, contribuindo para o decréscimo de fracassos terapêuticos e efeitos colaterais indesejáveis (aumento das novas estirpes resistentes), permitindo assim a redução de gastos excessivos e desnecessários, quer individuais, quer institucionais. ABSTRACT: The ITU microbial etiology has been maintained in an unchanging position all over the years, being E coli the predominant as in the community acquired infections as in the hospital ones. Although, currently, the patogenics presents some changes in what it concerns the antimicrobial resistance. In this way, it is crucial to know its susceptibility in order to make a faster, postponed and efficient terapeutica without the risk of new resistant lineages emergency. The main objective: define which are the ITU microorganisms and the more frequent one sensibility profile. The study was about the patients’ urine samples suspected of Urinary Tract Infection, which were sended to Aveiro’s Hospital during January and February 2007. Samples were included in the study in an aleatory way with no preference for any kind of pathology or source, being processed according to the service protocol. The identification of germens and determination of sensitivity were made in VITEK system. Results: from 135 positive samples, E. coli was the most common (53%) and showed more sensibility to gentamycin and nitrofurantoine and less sensibility to ampicillin. Conclusion: ITU often appears in humans’ first or last days of life (babies, children and older people), mainly in the female gender. In what it concerns the ITU antimicrobials election, it should be based, as long as possible, in laboratorial results. According to the studied facts we based ourselves, the more appropriate drugs are: gentamycin, nitrofurantoine and cefalotin. This and other annual studies help us to prevent the microbial resistance to grow, and make collateral damages and therapeutic failures decrease (increase of new resistant race), preventing unnecessary individual or institucional expenses.
description: Mestrado em Micrbiologia
URI: http://hdl.handle.net/10773/862
appears in collectionsBIO - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

files in this item

file description sizeformat
2009001287.pdf703.77 kBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2