DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Biologia > BIO - Dissertações de mestrado >
 Monitorização do coelho-bravo na Reserva Natural da Serra da Malcata : 1998-2007
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/748

title: Monitorização do coelho-bravo na Reserva Natural da Serra da Malcata : 1998-2007
authors: Paula, Anabela Salvado
advisors: Fonseca, Carlos Manuel Martins Santos
keywords: Gestão de ecossistemas
Mamíferos
Habitat
issue date: 2007
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: O Coelho-bravo, Oryctolagus cuniculus, é uma espécie chave nos ecossistemas mediterrâneos ibéricos, desempenhando uma multiplicidade de papéis na dinâmica dos mesmos, dos quais de destaca o facto de ser principal “espécie presa” de um largo espectro de predadores, como por exemplo o Lince-ibérico e a Águia-imperial, e ser uma das principais espécies cinegéticas em Portugal. Na Reserva Natural da Serra da Malcata – RNSM, as suas populações têm sofrido um acentuado declínio, relacionado com a actuação de diversos factores: perda e fragmentação do habitat; incidência de epizootias virais (Mixomatose e Doença Hemorrágica Viral) e sobre-exploração cinegética. As principais medidas adoptadas pela RNSM para a conservação do coelho-bravo na Malcata passam pela gestão do habitat (abertura de pastagens e criação de abrigos) e acções de repovoamentos, tendo-se iniciado também um programa de monitorização da espécie com o objectivo de conhecer a sua evolução espacial e temporal, assim como avaliar a eficácia das medidas de gestão aplicadas. As populações de coelho-bravo são monitorizadas no Inverno e Verão de cada ano, baseando-se o cálculo de densidade na contagem de latrinas em transectos lineares de 1Km definido em quadrículas UTM de 2x2Km. Para cada época criaram-se de mapas de densidade contínuos através do método de interpolação espacial Inverse Distance Weighted (IDW). Com uma densidade média inicial de 0,8 coelho/ha em 1998, a RNSM apresenta em 2007 média 3 coelho/ha. A análise de variância utilizando o procedimento GML revelou a existência de diferenças significativas (F= 3,76; p<0,01; df=8) entre o ano de 2003 e os anos 2005, 2006 e 2007 (t=3,96; t=3,58; t=3,74; p<0,05, respectivamente). A área com gestão, que passou de 1 coelho/há em 1998 para 9,3 coelho/ha em 2007, apresenta diferenças significativas (F= 4,66; p<0,05; df.= 8) entre o ano de 2007 e os anos 1998, 1999, 2000, 2001, 2002 e 2003 (t=4,77; t=4,61; t=4,01; t=3,61; t=3,19; t=4,61 respectivamente; p<0,05). As Quadrículas com Gestão são significativamente diferentes das Quadrículas Referencia (t=4,34; p<0,001;df=141), apresentando um diferença média de 2,6 coelho/ha (intervalos de confiança a 95%: 1,4 - 3,8). A análise estatística e interpretação dos mapas de distribuição criados permitiu concluir que as medidas de gestão aplicadas têm sido efectivas, e têm contribuído para o aumento da densidade na RNSM em especial nas quadrículas geridas e áreas contíguas. ABSTRACT: The wild rabbit, Oryctolagus cuniculus, is a key specie in the Mediterranean ecosystems, playing a vital role as a prey for a wide spectrum of predators, such as the Iberian lynx (Lynx pardinus) and the Imperial eagle (Aquila adalberti), being also the most important game specie in Portugal. In the Natural Reserve of Serra da Malcata (RNSM), wild rabbit populations have decreased dramatically in the last decades. This happened due to several reasons: habitat loss and fragmentation, incidence of viral diseases (Myxomatosis and Viral Heamorrhagic Disease) and excessive hunting. Since 1997 several conservation measures were applied in the Natural Reserve of “Serra da Malcata” (RNSM). The habitat improvement (based on the creation of grazing pastures in dense scrub habitat and the installation of artificial warrens) and the wild rabbit restocking actions were the principal conservation measures applied. In 1998, started an ongoing monitoring program that aims not only the study of wild rabbit population, but also the devise and evaluation of conservation strategies. Rabbit abundance (rabbit/ha) was estimated by an indirect method, based on latrine count in line transects of 1km define in each 2x2 Km UTM squares. We use the spatial interpolator Inverse Distance Weighted (IDW) to create continuous maps of density for each season. With an initial mean density of 0,8 rabbit/ha, the RNSM presents in 2007 a mean density of 3 rabbit/ha, while in the managed area we passed from a average density of 1 rabbit/ha to 9,3 rabbit/ha. Using the repeated-measure GML we found that in the RNSM there are significant differences (F= 3,76; p<0,01; df=8) between the year of 2003 and the years of 2005, 2006 and 2007 (t=3,96; t=3,58; t=3,74; p<0,05; respectively). In the management area we found significant differences (F= 4,66; p<0,01; df=8) between the year of 2007 and 1998, 1999, 2000, 2001, 2002 e 2003 (t=4,77; t=4,61; t=4,01; t=3,61; t=3,19; t=4,61; p<0,05; respectively). The density mean of the Management Squares is statistically different from the Reference Squares mean (t=4,34; p<0,001; g.l.=141), with a mean difference of 2,6 rabbit/ha (95% confidence interval between 1,4 rabbit/ha and 3,8 rabbit/ha). The statistical analysis and the density map interpretation confirms that the conservation strategy adopted in the RNSM had a positive effect on the rabbit populations, especially in the managed squares and contiguous areas.
description: Mestrado em Ecologia, Biodiversidade e Gestão de Ecossistemas
URI: http://hdl.handle.net/10773/748
appears in collectionsBIO - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

files in this item

file description sizeformat
2008000989.pdf1.88 MBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2