DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Ambiente e Ordenamento > DAO - Dissertações de mestrado >
 Medição e modelação da erosão do solo a micro-escala, após incêndios florestais
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/653

title: Medição e modelação da erosão do solo a micro-escala, após incêndios florestais
authors: Fernandes, Helga Cristiana Marques
advisors: Keizer, Jan Jacob
keywords: Engenharia do ambiente
Solos florestais
Erosão do solo
Incêndios florestais
Utilização do solo
issue date: 2009
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: Esta dissertação tem como principal objectivo o aprofundamento do conhecimento sobre os fenómenos de erosão hídrica a micro-escala, nomeadamente após um incêndio florestal ocorrido no Verão de 2005 na localidade de Jafafe, onde se situa a área de estudo numa encosta composta por plantações de eucalipto. São avaliadas as taxas de escorrência e erosão devidas a 18 simulações de chuva (RSE) realizadas em parcelas de simulação (0.28 m2) em 5 períodos distintos, bem como as taxas de escorrência e erosão produzidas em micro-parcelas (0.28m2) sob chuva natural. Foi observada elevada variabilidade nos dados de escorrência e erosão ao nível temporal bem como espacial e para ambos os tipos de dados. A variabilidade temporal é devida à passagem do tempo após o incêndio, nomeadamente através da recuperação de vegetação, bem como a variações sazonais nas características do solo, nomeadamente a sua repelência à água e o seu teor de humidade. Para a modelação da resposta hidrológica e de erosão foi seleccionado o modelo MEFIDIS, um modelo de base física. Na aplicação do modelo MEFIDIS, o ajuste dos parâmetros de entrada permitiu clarificar a influência da repelência à água e do coberto protector do solo como importantes factores condicionantes das taxas de escorrência e de perdas do solo observados nas simulações de chuva. Com o modelo, obtiveram-se melhores resultados para as simulações de chuva de alta intensidade do que de extrema intensidade. Uma possível explicação é que a extrema intensidade provoca maiores alterações nas condições de solo, nomeadamente a repelência à água, do que a alta intensidade. ABSTRACT: This thesis aims mainly to improve knowledge about erosion micro-scale phenomena, particularly after a forest fire occurred in the summer of 2005 in the town of Jafafe, which is the study area on a hillside composed of eucalyptus plantations. Are evaluated the rates of runoff and erosion due to 18 rainfall simulations (RSE) conducted in simulation plots (0.28 m2) in 5 separate periods, and rates of runoff and erosion produced in micro-plots (0.28 m2) under natural rainfall. It was observed high variability in the data of runoff and erosion at time and space and for both types of data. The temporal variability is due to the passage of time after the fire, particularly by the recovery of vegetation and by the seasonal variations in soil characteristics, including its water repellency and moisture content. For the modeling of hydrologic and erosion response, was selected model MEFIDIS, a physically based model. When applying this model, adjusting the input parameters have clarified the influence of water repellency and soil protective cover as important influential factors to rate of runoff and soil losses observed in the rainfall simulations. With the model, it was obtained better results for high rainfall intensity simulations than the extreme intensity. One possible explanation is that the extreme intensity causes major changes in soil conditions, such as water repellency, than high intensity.
description: Mestrado em Engenharia do Ambiente
URI: http://hdl.handle.net/10773/653
appears in collectionsDAO - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

files in this item

file description sizeformat
2010000299.pdf2.36 MBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2