DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Física > FIS - Dissertações de mestrado >
 Efeito da radiação de microondas em microrganismos
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/4829

title: Efeito da radiação de microondas em microrganismos
authors: Pereira, Maria da Glória Ribeiro
advisors: Cadillon, Luís
Correia, António
keywords: Física aplicada
Microondas
Radiação electromagnética
Microorganismos
issue date: 2007
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: O efeito da radiação electromagnética não ionizante nos sistemas biológicos é, hoje em dia, objecto de importantes estudos. Este trabalho tem como objectivo investigar os efeitos da energia de microondas em microrganismos, bem como a possibilidade de usar essa radiação para esterilização a baixas temperaturas. Pretende-se assim que, a utilização de radiação de microondas para a esterilização de alimentos seja feita a temperaturas em que se mantenham o sabor e valor nutricional daqueles. Foi investigado o efeito da radiação electromagnética na bactéria Escherichia coli, utilizando uma radiação de 2,45 GHz. Foram usados dois métodos diferentes: um forno de microondas comercial e uma cavidade ressonante no modo fundamental. O tempo de radiação foi controlado através de um temporizador acoplado ao magnetrão. A energia do campo eléctrico é mantida baixa, no sentido de preservar a temperatura inferior à temperatura de inactivação dos microrganismos. O trabalho inclui métodos de enumeração microbiana para estudar a inactivação das células do organismo usado como modelo. Conclui-se que é possível, usando potências baixas, obter uma esterilização eficaz, evitando o aquecimento dieléctrico e preservando a temperatura adequadamente. Estas técnicas revelam-se assim uma boa alternativa aos processos de esterilização usuais.

The effect of the nonionising radiation in biologic systems is, nowadays, an important subject of study. The purpose of this work is to investigate the effects of the microwaves energy on microorganisms and the possibility of using that radiation for sterilization at low temperature. We pretend then that, the use of microwave radiation to sterilize food was done at temperatures that maintain the flavor and nutritional quality of food. We studied the effect of the electromagnetic radiation on Escherichia coli, using a radiation of 2,45 GHz. We used two different methods: a commercial microwave oven and a resonant cavity in the fundamental mode. A timer coupled to the magnetron permits to control the time intervals of radiation. The applied electric field power is maintained sufficiently low, in order to preserve the temperature below the inactivation temperature of the microorganisms. The work includes methods of microbial enumeration to study the inactivation of cells from the model organism. We conclude that it is possible, using low power electric fields, to obtain an effective sterilizing action, avoiding dielectric heating. These techniques are then a real alternative to the usual sterilization processes.
description: Mestrado em Física Aplicada
URI: http://hdl.handle.net/10773/4829
appears in collectionsFIS - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

files in this item

file description sizeformat
2008000349.pdf1.1 MBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2