DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Geociências > GEO - Dissertações de mestrado >
 Estudo da evolução de uma área de extracção de areias na margem algarvia
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/2725

title: Estudo da evolução de uma área de extracção de areias na margem algarvia
authors: Gonçalves, Daniela Maria Silva
advisors: Pinheiro, Luís Filipe Fuentefría de Menezes
keywords: Engenharia geológica
Geomorfologia
Dragagem
Praias
Sedimentos
issue date: 2009
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: A dragagem é uma actividade de extrema importância na defesa da orla costeira (através da alimentação de praias), na manutenção das condições necessárias à navegabilidade dos canais e na extracção de agregados para construção. De facto, a procura de sedimentos provenientes da zona costeira tem sido prática recente em muitos países, constituindo uma das principais fontes de agregados quer para a construção, quer para a alimentação de praias. A extracção de agregados ao largo apresenta, no entanto, alguns impactos negativos no ambiente marinho, quer na morfodinâmica da região, quer a nível ecológico, que podem não se restringir apenas à área da extracção propriamente dita. A evolução de uma escavação, em particular a sua migração e taxa de enchimento, é ditada pelas características físicas e hidrodinâmicas do local. Este trabalho estuda a evolução morfosedimentar de uma zona de escavação ao largo de Vale do Lobo - Algarve - provocada por extracções de agregados para alimentação da praia de Vale do Lobo. Este estudo foi realizado com base em alguns levantamentos batimétricos adquiridos entre 1998 e 2008 que foram inseridos num Sistema de Informação Geográfica (ArcGIS) para posterior interpolação, comparação, cálculo dos volumes removidos e acumulados e avaliação da variação morfo-sedimentar ocorrida durante um período de 10 anos. De uma maneira geral, na escavação em estudo verificou-se o preenchimento da sua parte mais profunda, e alguma erosão nos flancos, o que resulta numa suavização geral da área escavada. As previsões teóricas quanto ao tempo de persistência da maior perturbação da batimetria apontam para valores que rondam os 40 anos até ao enchimento total ou quase total da escavação. Dada a importância deste tipo de estudos e as limitações sentidas ao longo deste trabalho associadas a erros inerentes aos dados batimétricos, ressalta-se o facto de que para o estudo e monitorização da evolução de uma escavação deste tipo é manifestamente necessário efectuar levantamentos batimétricos com sistemas multifeixe com sensores de movimento, posicionamento por GPS diferencial, e, acima de tudo, com correcções adequadas e cuidadosas, nomeadamente dos efeitos de maré, posição do sonar e referência ao zero hidrográfico. ABSTRACT: Dredging is an extremely important activity in the defense of the coastal zone (through beach nourishment), in the maintenance of the necessary conditions for navigation in port areas, and in the extraction of sand and gravel for construction. In fact, the exploration of sediments from the coastal zone has been a common practice in many countries for many years, and it has become, in some places, the main source of aggregates for construction and for beach nourishment. The offshore exploitation of aggregates has however some negative impacts in the marine environment, not only in the morphodynamics of the region, but also in ecological terms, and these are often not restricted to the excavation area. The evolution of a sand pit and in particular its migration and rate of replenishment depends on the physical and hydrodynamic characteristics of the area. This work investigates the morpho-sedimentary evolution of an excavation area offshore Vale do Lobo - Algarve – resultant from exploitation of sand for the nourishment of the Vale do Lobo beach. This study was based on several bathymetric surveys carried out between 1998 and 2008, which were inserted into a georeferenced GIS database (ArcGIS) for interpolation, comparison, calculation of volumes of sediment accumulation and removal, and the evaluation of the morpho-sedimentary variations that occurred during a period of 10 years. In this excavation, during the period of investigation, it was possible to observe an infill of the deepest area of the exploration pit as well as some erosion in the flanks, which resulted in the smoothing of the initial excavation topography. It was also possible to estimate that the recovery time for the excavation area is probably of the order of 40 years, for a full or near-full recovery. Given the relevance of this type of studies and the limitations felt in this work related to the fact that the bathymetric data had large errors associated, it needs to be stressed that for this type of investigation it is essential to acquire multibeam surveys with differential GPS positioning and motion sensors, and to perform careful corrections of the effects of tides, sonar offsets and to correct all the surveys to a common vertical datum.
description: Mestrado em Engenharia Geológica
URI: http://hdl.handle.net/10773/2725
appears in collectionsGEO - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

files in this item

file sizeformat
2009001360.pdf9.02 MBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2