DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Economia, Gestão e Engenharia Industrial > DEGEI - Dissertações de mestrado >
 Informação financeira no mercado de capitais : reavaliação de activos
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/1645

title: Informação financeira no mercado de capitais : reavaliação de activos
authors: Marques, Maria Alexandra Fernandes Pereira
advisors: Pinho, Carlos
keywords: Gestão financeira
Financiamento das empresas
Informação financeira
Mercado de capitais
issue date: 2008
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: Em contexto de incerteza nos mercados de capitais, as demonstrações financeiras, contendo dados relativos à estrutura de capitais da empresa e ao seu desempenho, são uma fonte relevante de informação para a tomada de decisão. Numa óptica de avaliação patrimonial das empresas, estudos anteriores relacionam variáveis da informação financeira com a capacidade de financiamento, o valor da empresa e a sua performance futura, entre outros. Devido à especial importância quando inserida no contexto da estrutura de capitais, destacamos a procura dos motivos e consequências das variações do capital próprio das empresas e, entre estas, as decorrentes da reavaliação dos activos imobilizados. Tendo em consideração as finalidades e regras da informação financeira, estudos anteriores sugerem que o gestor usa discricionariamente as reservas de reavaliação para fornecer sinais ao mercado de capitais e assim influenciar as condições de financiamento e a cotação das acções. A presente dissertação pretende identificar as motivações do gestor ao realizar reavaliações do activo imobilizado. Tendo por base o modelo de Barlev et al. (2007), aplicado à informação financeira divulgada pelas empresas cotadas no mercado bolsista português (Euronext Lisboa), no período de 2003 a 2006, concluímos que os gestores utilizam as reavaliações sobretudo em empresas com menores níveis de autonomia financeira, sugerindo a sua sinalização para melhoria da imagem da estrutura financeira e permitindo a obtenção de maior financiamento externo. As empresas que apresentam uma maior ligação ao exterior, medida pelo volume de negócios, também possuem maior probabilidade em reavaliar os seus activos. Finalmente, as empresas com maior peso do Imobilizado sobre o total do activo apresentam maior probabilidade em realizar reavaliações, o que indicia que as empresas com capital intensivo dependem mais da sinalização das reavaliações para financiar as suas actividades de investimento. ABSTRACT: In uncertain context in the capital markets, the financial statements, including information about the company capital structure and performance, are a relevant source of information for decision making. In a evaluation of a company, based on the capital structure, previous studies establish a relation between financial information disclosure, the debt capacity, the company value and the future performance, among others. Due to the special relevance when in a context of capital structure, we highlight the search for the motives and consequences of the company capital variations, in particular, the ones resulting from revaluation reserves of assets. Previous studies, based on the objectives and rules of financial statements disclosure, indicate that company directors use revaluation reserves in a discretionary way to send signs to the capital market and, doing so, try to influence debt conditions and stock market values. The current work aims to identify the motivation of the companies’ directors in the process of revaluation reserves disclosure. We use Barlev et al. (2007) model in a sample of companies with stocks in the Portuguese stock exchange (Euronext Lisbon) between the years of 2003 and 2006 to conclude that directors use revaluations in companies with a lower level of financial autonomy, suggesting the use of revaluation to improve the company capital structure image and allowing a higher level of debt. Another conclusion is that the companies that have higher sales to the exterior present a higher revaluation practice. Finally, companies with a higher weight of tangible assets in the total assets, also present a higher revaluation practice, suggesting that these companies send signs in order to obtain financing to these investment activities.
description: Mestrado em Economia
URI: http://hdl.handle.net/10773/1645
appears in collectionsDEGEI - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

files in this item

file description sizeformat
2009000813.pdf554.51 kBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2