Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10773/4761
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorSilva, Rui Ramos Ferreira e-
dc.contributor.advisorNunes, António Modesto da Conceição-
dc.contributor.authorNeves, João Vasco Matospt
dc.coverage.spatialAveiropt
dc.date.accessioned2011-12-27T15:20:25Z-
dc.date.available2011-12-27T15:20:25Z-
dc.date.issued2006pt
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10773/4761-
dc.descriptionMestrado em Design, Materiais e Gestão de Produtopt
dc.description.abstractA presente dissertação clarifica a história da sinalização vertical em Portugal, analisa o sistema no geral e os seus elementos constituintes no particular, contribuindo para um melhor entendimento da inter-relação dos seus componentes. Demonstra ainda a importância do Design e de outras disciplinas transversais para a melhoria da sinalização vertical e a implicação desta na melhoria das acessibilidades para o utilizador. A necessidade em aceder a um território desconhecido traduz-se numa difícil tarefa, quer pelo desconhecimento morfológico do espaço, quer pela ilegibilidade, incorrecta utilização ou mesmo inexistência de mensagens indicativas em espaços públicos ou vias de acesso. A falta de uniformização e a coexistência de sinalização regulamentada por sucessivos códigos da estrada, traduz-se para o utente numa inconsciente mas constante aprendizagem de novos signos. A legislação inerente ao código da estrada nem sempre é respeitada pelas entidades competentes pela construção, aplicação e fiscalização. A concepção de pictogramas é desenvolvida de um modo empírico, com bases pouco sustentadas e testadas. No trabalho desenvolvido recorreu-se a uma pesquisa através de observação documental e observação directa intensiva, quer de fontes históricas, quer de pressupostos e fundamentos teóricos subjacentes à problemática estudada. O automóvel surge como alavanca que despoletou a evolução do sistema de sinalização do trânsito, criando maior mobilidade social e gerando a necessidade de apreensão de novas regras expressas através de signos de orientação no espaço, os quais comunicam e transmitem informações constituindo um sistema de signos – a sinalética. O trabalho desenvolvido demonstra a importância de outras disciplinas e estudos para a valorização da sinalética como sistema de transmissão de informação e a pictografia como um sistema de signos que veicula mensagens.pt
dc.language.isoporpt
dc.publisherUniversidade de Aveiropt
dc.relation.urihttp://opac.ua.pt/F?func=find-b&find_code=SYS&request=000201114pt
dc.rightsopenAccesspor
dc.subjectDesignpt
dc.subjectSinaléticapt
dc.subjectInformação visualpt
dc.subjectRepresentações gráficaspt
dc.titleO sistema de sinalização vertical em Portugalpt
dc.typemasterThesispt
thesis.degree.levelMestradopt
thesis.degree.grantorUniversidade de Aveiropt
Appears in Collections:DeCA - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2007001202.pdf26.39 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterLinkedIn
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.