Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10773/40701
Title: Escala de avaliação de competências comunicativas: contributos para a validação na perturbação do desenvolvimento da linguagem
Other Titles: Communicative skills assessment scale: contributions to validation in developmental language disorders
Author: Machado, Daniela Filipa Duarte
Advisor: Figueiredo, Daniela Maria Pias de
Lousada, Marisa Lobo
Keywords: Escala de avaliação de competências comunicativas
Perturbação do desenvolvimento da linguagem
Fiabilidade
Validade
Defense Date: 12-Dec-2023
Abstract: Enquadramento: O Terapeuta da Fala é o profissional qualificado para a avaliação da pragmática. Em Portugal verifica-se uma escassez de instrumentos válidos e com fiabilidade, para avaliar com rigor esse domínio da linguagem. Objetivos: O presente estudo procura contribuir para a validação da Escala de Avaliação de Competências Comunicativas (EACC) na Perturbação do Desenvolvimento da Linguagem (PDL), em crianças com idades compreendidas entre os 4 e os 8 anos. Metodologia: O estudo, do tipo transversal, descritivo-correlacional e com uma abordagem quantitativa, teve uma amostra total de 83 crianças. Analisaram-se algumas características psicométricas, nomeadamente, consistência interna da EACC através do cálculo do alfa de Cronbach (α), a fiabilidade teste-reteste e a fiabilidade interavaliador através do cálculo do Coeficiente de Correlação Intraclasse (CCI). A validade convergente foi investigada através do coeficiente de correlação de Spearman. Resultados: Verificou-se que a EACC apresenta um valor de consistência interna elevado, demonstrando um valor de Cronbach de 0.960. A análise da fiabilidade teste-reteste evidenciou boa estabilidade nas respostas dos participantes em ambos os momentos de avaliação, com valores de CCI que variaram entre 0.639 e 1.000. A análise da fiabilidade interavaliador, através da comparação das respostas dos pais e dos docentes/educadores, apresentou estabilidade satisfatória com valores de CCI entre 0.397 e 0.855. Na análise da validade convergente, observaram-se correlações estatisticamente significativas entre o total da EACC e o total do Questionário de Capacidades e Dificuldades – Versão Portuguesa (SDQ-Por), bem como entre o total da SDQ-Por e a maioria das dimensões da EACC. Conclusão: Os resultados obtidos evidenciaram que a EACC apresenta boas caraterísticas psicométricas no que concerne à consistência interna, fiabilidade teste-reteste e interavaliador, bem como validade convergente, sugerindo representar um instrumento robusto para avaliar as competências pragmáticas em crianças com Perturbação do Desenvolvimento da Linguagem.
Background The Speech-Language Pathologist is the qualified professional when it comes to pragmatic evaluation. In Portugal the availability of valid and reliable instruments to assess this language domain is scarce, thus robust tools are needed. Aims The main goal of the present study is to contribute to the validation of the Communicative Skills Assessment Scale (EACC) in Developmental Language Disorder (DLD) in children aged between 4 and 8. Methods A cross-sectional, descriptive-correlational study with a sample composed of 83 children was conducted. Some EACC’s psychometric properties were analyzed, namely, internal consistency through Cronbach’s alpha, test-retest reliability and inter-rater reliability through the calculation of the Intraclass Correlation Coefficient (ICC). The convergent validity was evaluated trough Spearman’s Correlation Coefficient. Results EACC has a high internal consistency, as shown by a Cronbach alpha value of 0.960. The test-retest reliability analysis evidenced a good stability, between the participant’s answers on both evaluation moments, with ICC values ranging between 0.639 and 1.000. The inter-rater reliability, studied through comparing answers of parents and teachers/educators, showed a satisfactory stability with ICC values between 0.397 and 0.855. When it comes to the convergent validity, statistically significant correlations were found between the EACC total and Strengths and Difficulties Questionnaire – Portuguese version (SDQ-Por) total, as well as between SDQ-Por total and most EACC dimensions. Conclusion The results evidence that EACC has good psychometric characteristics when it comes to internal consistency, both test-retest and inter-rater reliabilities, and convergent validity suggesting that this is a robust instrument to assess pragmatic domain in children with development language disorder.
URI: http://hdl.handle.net/10773/40701
Appears in Collections:UA - Dissertações de mestrado
ESSUA - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Documento_Daniela_Machado.pdf2.47 MBAdobe PDFembargoedAccess


FacebookTwitterLinkedIn
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.