Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10773/40278
Title: Ocean literacy: a holistic approach to the sustainable use of intertidal zones
Other Titles: Literacia dos oceanos: uma abordagem holistica para o uso sustentável das zonas intertidais
Author: Costa, Rita Lima
Advisor: Marques, Sónia Cristina Cotrim
Freitas, Rosa
Keywords: Formal education
Unformal education
Environmental education
Sustainable Development Goals (SDGs)
Rocky intertidal zones (RIZ)
Science communication
Defense Date: 21-Dec-2023
Abstract: The most predominant aspect of our planet is the ocean, covering more than 70% of the Earth’s surface and being the foundation of all life. However, the lack of importance given to it is affecting the ocean’s health, threatening the planet’s environment and our lives. To be able to protect, conserve, and sustainably use marine resources, citizens need to understand the connections between them and the ocean. Knowing that most of us are unaware of our actions' effects, communities need access to captivating and well-researched data and educational ocean literacy programs. With this purpose, the United Nations created a goal, on this decade’s agenda (Agenda 2030), focusing on the conservation and sustainable use of the ocean, seas, and marine resources (Sustainable Development Goal 14). Portugal was one of the first countries to follow through with the implementation of a transdisciplinary project called “Blue School”, aiming to distinguish the schools that offer their students and teachers the conditions to increase their Ocean Literacy levels and be active members of an ocean-literate community. Since then, more Ocean Literacy projects have been carried out like “MARE vai à escola” (in English, MARE goes to school) and “bLueTIDE”, both developed by a multipolar centre called MARE that works towards the creation of “bridges from the sea to society”. This report is the product of the internship done during the school year of 2021/2022, in MARE’s polo of Peniche, focusing on the development and carrying of both Ocean Literacy projects above mentioned. The aim of this internship was to work on the development and implementation of the educational and didactic activities for school children and their teachers (hands-on/game activity guidelines, school sessions promoting Ocean Literacy activities, visits to rocky shore, a teacher training session plan and organization of a beach party) and the disclosure (on social media) of the activities of the project.
O aspeto mais predominante do nosso planeta é o oceano, cobrindo mais de 70% da superfície da Terra e sendo a base de toda a vida. No entanto, a falta de importância que lhe é dada está a afetar a saúde dos oceanos, ameaçando o ambiente do planeta e as nossas vidas. Para poder proteger, conservar e usar de forma sustentável os recursos marinhos, os cidadãos precisam de perceber as conexões entre eles e o oceano. Sabendo que a maioria de nós desconhece os efeitos das nossas ações, as comunidades precisam de ter acesso a dados cativantes e bem estudados, bem como a programas educacionais de literacia do oceano. Com este propósito, as Nações Unidas criaram um objetivo, na agenda desta década (Agenda 2030), centrado na conservação e utilização sustentável dos oceanos, mares e recursos marinhos (Objetivo do Desenvolvimento Sustentável 14). Portugal foi um dos primeiros países a dar seguimento à implementação de um projeto transdisciplinar denominado “Escola Azul”, com o objetivo de distinguir as escolas que oferecem aos seus alunos e professores condições para aumentarem os seus níveis de literacia do oceano e serem membros ativos de uma sociedade que se preocupa com o oceano. Desde então, mais projetos similares têm sido realizados como o “MARE vai à escola” e o “bLueTIDE”, ambos desenvolvidos pelo centro multipolar MARE que trabalha para a criação de pontes entre o mar e a sociedade. O presente relatório é o produto do estágio realizado durante o ano letivo 2021/2022, no polo do MARE de Peniche, centrado no desenvolvimento e concretização dos dois projetos de literacia do oceano acima referidos. O objetivo deste estágio foi trabalhar no desenvolvimento e implementação de atividades educativas e didáticas para crianças em idade escolar e para os seus professores. Fazendo orientação de atividades práticas/jogos, sessões escolares sobre literacia do oceano, visitas às costas rochosas, desenvolvimento de uma sessão de formação para professores, organização de uma festa na praia e divulgação (nas redes sociais) das atividades do projeto.
URI: http://hdl.handle.net/10773/40278
Appears in Collections:UA - Dissertações de mestrado
DBio - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Documento_Rita_Costa.pdf21.57 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterLinkedIn
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.