Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10773/33762
Title: Feeding Europe, the Portuguese geoestrategic position and the logistic gains, opportunity for the next quarter
Other Titles: A alimentação da Europa e a posição geoestratégica de Portugal, a sua vantagem logística, oportunidade para o futuro
Author: Couto, Eduardo Belmiro Torres do
Advisor: Gouveia, Joaquim José Borges
Moreira, António Carrizo
Keywords: Ports
Logistics
Food commodities
Agricultural production
Grains
Cereals and seeds
Protein
Geostrategy
Transports
Transshipment
Grain terminal
Logistics corridors
Supply chain
Value chain
Regional development
Defense Date: 10-Mar-2022
Abstract: People’s food is today divided in two main origins, fresh products and grains. The first group being the vegetables, legumes and fruits, also still the capture of wild fish from the sea waters, although fish farming production is already overlapping the wildcatch collection. So, presently, grains are directly or indirectly, the basis of meat, aquaculture fish, milk, eggs, cheese, bread, pastas, and almost all processed food products. The main food grains are the commodities largely traded in world like maze, wheat or barley. These food commodities produced and consumed in different parts of the globe, travel in big vessels. An opportunity is then identified that can make intercontinental grain logistics more efficient, particularly the one that serves Europe. The research work of the thesis is clearly composed by two preliminary tasks, the data analysis job to show the southern movement of the production of food commodities in the world globe; the other part, the collection of in-depth interviews of leaders in industry, related to food logistics, food commodities trading and ports, to discuss whether in Europe this change should appoint other port infrastructures improvement, for better supply-chain efficiency and regional development. In addition, a comparative case study analysis is considered for the discussion. Food is a vital element for humanity existence, in modern age, food become mass produced and transported around all the globe, looking for the best productivity, searching ideal clime, soils and water. Heavy logistics and international trade, made food travel thousands of kilometers to reach our plate on the opposite corner of the globe. Today large volumes of resources are dedicated for food production, transformation and distribution, so a vast quota of world global economy is taken by food business. Research and literature about these subjects is immense, difficult to classify as per relevance for use. A preliminary data analysis of the subject was proposed, a large volume of data was collected, for a second phase study being proposed to treat far larger data volumes, to trim and give consistence to the validation of the hypothesis previously formulated. The second phase of the research work, is a qualitative work of informant in-depth interviews conducted with 13 leaders in the industry. The sample represented a broad spectrum of leaders from across the EU, America, and especially Portugal. We must recognize that a qualitative approach may be intensive, complex, expensive and time consuming, but it is rich in details and revealing in new ways to explain a complex future vision of such research questions. Finally, using a case study methodology, a similar parallel phenomena is discussed to be added to the prospective framework emerged.
A alimentação humana está dividida em duas origens principais, produtos frescos e grãos. O primeiro grupo são os vegetais, legumes e as frutas, também ainda a captura de peixes selvagens das águas do mar. Atualmente, os grãos são direta ou indiretamente, a base da carne, peixe de aquicultura, leite, ovos, queijo, pão, massas, a quase totalidade dos alimentos processados. Os principais grãos são commodities comercializadas em todo o mundo, como por exemplo o milho, o trigo ou a cevada. Estas commodities alimentares, produzidas e consumidas em diferentes regiões do globo, viajam em grandes navios. Identifica-se então uma oportunidade que pode tornar a logística intercontinental de grãos mais eficiente, particularmente a que serve a Europa. O trabalho de pesquisa desta tese é composto por duas tarefas preliminares: a análise de dados para mostrar o movimento para sul da produção média ponderada de commodities alimentares no mundo; a outra parte, a realização de entrevistas aprofundadas a líderes da indústria, envolvidos na logística de grãos, comércio de commodities e portos, para discutir se, na Europa, essa evolução deve indicar outras alternativas nas infraestruturas portuárias, para maior eficiência da cadeia de abastecimento, impactando também no seu desenvolvimento regional. Faz-se ainda uma análise comparativa de um caso de estudo. Os alimentos são vitais para a existência da humanidade, actualmente as commodities alimentares são produzidas e transportadas em grandes volumes por todo o mundo, procurando a melhor produtividade, o clima mais favorável, o solo ideal e água. A grande logística e o comércio internacional fizeram com que as commodities alimentares viajassem milhares de quilómetros para chegar ao nosso prato no canto oposto do globo. Hoje, grandes volumes de recursos são dedicados à produção, transformação e distribuição de commodities, de modo que uma vasta quota da economia global mundial é ocupada pelos negócios de alimentação. A investigação e literatura sobre estes assuntos é imensa, difícil de classificar de acordo com a relevância para o uso. Uma análise preliminar dos dados de produção agrícola foi proposta, um grande volume de dados foi coligido e processado, numa segunda fase, foi proposto tratar volumes de dados muito maiores ainda, para sustentar e dar consistência à validação da hipótese formulada. A segunda fase do trabalho de pesquisa é um trabalho qualitativo de entrevistas detalhadas com informantes, conduzidas com 13 líderes do setor. A amostra representou um amplo espectro de líderes de toda a UE, América e especialmente Portugal. Devemos reconhecer que uma abordagem qualitativa pode ser intensiva, complexa, difícil e demorada, mas é rica em detalhes e revela novas maneiras de explicar uma visão futura complexa de tais questões de pesquisa. Finalmente, usando uma metodologia de estudo de caso, um fenómeno paralelo e semelhante é analisado para enriquecimento da discussão do estudo de oportunidade.
URI: http://hdl.handle.net/10773/33762
Appears in Collections:UA - Teses de doutoramento
DEGEIT - Teses de doutoramento

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Documento_Eduardo_Couto.pdf12.27 MBAdobe PDFembargoedAccess


FacebookTwitterLinkedIn
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.