Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10773/29859
Title: Políticas públicas em educação a distância: uma revisão de literatura do caso de Moçambique
Other Titles: Public policies in distance education: a literature review for the case of Mozambique
Author: Nakala, Lurdes
Ramos, Fernando
Keywords: Educação a Distância
Garantia de qualidade
Moçambique
Políticas públicas
Issue Date: 2018
Publisher: Universidade Eduardo Mondlane
Abstract: Este artigo apresenta o Referencial de Qualidade adoptado pelo Instituto Nacional de Educação a Distância (INED), instituição pública reguladora de Educação a Distância em Moçambique. Compete ao INED avaliar os pedidos de estabelecimento de instituições e cursos a distância, bem como acreditar instituições na modalidade de Educação a Distância e os cursos por elas oferecidos. Com base na revisão da literatura, o artigo faz uma visão geral sobre os conceitos e políticas de garantia de qualidade em Educação a Distância e, através da análise documental, o Referencial de Qualidade adoptado em Moçambique é descrito no que se refere aos seus principais procedimentos e indicadores. Finalmente, uma breve nota sobre os trabalhos actuais e futuros também é considerada. Emergente da metodologia usada pode-se constatar que existem diferentes modelos de políticas públicas de garantia de qualidade em Educação a Distância, sendo que em Moçambique aponta-se para o modelo baseado na Acreditação. O modelo é composto por 7 dimensões-chave de qualidade que se subdividem em um conjunto de 25 indicadores e cujo resultado da avaliação é expresso em 3 níveis, nomeadamente a atribuição da acreditação, acreditação condicional e a não acreditação.
This article presents the Quality Reference Framework adopted by the National Institute of Distance Education (INED), the public regulatory institution for distance education in Mozambique. INED is responsible for the evaluation of applications for the establishment of Distance Education institutions and programs, as well as accreditation of existing institutions and programs. Based on the literature review, the article provides an overview of quality assurance concepts and policies in Distance Education and, through documental analysis, the Quality Reference Framework adopted in Mozambique is described in terms of its main procedures and indicators. Finally, a brief note on the current and future work is considered. Emerging from the methodology being used, it was found that there are different models of quality assurance public policies in Distance Education and that in Mozambique there is an evidence of the use of Accreditation based model. The model is comprised by 7 key quality dimensions which are divided into 25 indicators in total and the result of the evaluation is expressed in 3 levels, namely an award of accreditation, conditional accreditation and no accreditation.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10773/29859
ISSN: 2307-390X
Publisher Version: http://www.revistacientifica.uem.mz/rc/index.php/edu/article/view/95/97
Appears in Collections:DigiMedia - Artigos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Nakala revista UEM.pdf380.53 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterLinkedIn
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.