Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10773/29629
Title: Desenvolvimento sustentável, implicação e bem-estar emocional em educação pré-escolar
Author: Machado, Ana Isabel Monteiro de Almeida
Advisor: Santos, Paula Ângela Coelho Henriques dos
Keywords: Educação experiencial
Educação para o desenvolvimento sustentável
Educação pré-escolar
Implicação e bem-estar emocional
Defense Date: 7-Jun-2019
Abstract: O presente relatório de estágio está inserido na componente de Prática Pedagógica Supervisionada do Mestrado em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1º Ciclo do Ensino Básico, constituindo-se como elemento de avaliação das Unidades Curriculares de Prática Pedagógica Supervisionada e Seminário de Orientação Educacional. Tem como principal objetivo, sensibilizar um grupo de crianças em educação pré-escolar (EPE) para práticas mais sustentáveis, baseando a intervenção numa abordagem experiencial, por forma a promover níveis elevados de bem-estar emocional e implicação de cada criança, indicadores de uma experiência interna de aprendizagem autêntica e significativa. Num momento em que se discute a crise planetária que o Mundo vive, é cada vez mais urgente focar as aprendizagens das crianças na importância da sustentabilidade, respeito, equidade, preservação, reciclagem, reutilização, entre outros. Assim, a partir da identificação da necessidade de contribuir para a educação para o desenvolvimento sustentável (EDS) de um grupo de crianças em EPE, o projeto foi estruturado em cinco sessões centradas nessa temática. Constituindo-se como uma intervenção de caráter investigativo, foram utilizadas a observação, escuta empática e o Sistema de Acompanhamento das Crianças (instrumento de apoio à prática, desenvolvido no domínio da abordagem experiencial em educação) como meios de recolha e análise reflexiva dos dados gerados, focalizando-nos primordialmente nas produções orais e ilustrações das crianças, em situações caraterizadas por uma intervenção adulta experiencial: fundamentada numa atitude de atenção, respeito e confiança nas competências da criança, e operacionalizada em dimensões de estimulação, sensibilidade e promoção da autonomia da criança. Os resultados obtidos, revelando elevados níveis de bem-estar emocional e implicação durante as sessões propostas às crianças, apontam para um elevado interesse e motivação das mesmas face a atividades em torno desta temática, realizadas segundo uma abordagem experiencial, mobilizando as suas mais elevadas competências nessas vivências. Assim, o trabalho realizado sugere a pertinência de conjugar a abordagem experiencial em educação pré-escolar com a EDS, enquanto via para promover o empoderamento da criança, contribuindo para o desenvolvimento de um cidadão emancipado, consciente e justo.
The present internship report is included in the Supervised Teaching Practice, a component of the Master's Degree in Pre-School and Primary Education, constituting an element of evaluation of the Curricular Units Supervised Pedagogical Practice and Educational Guidance Seminar. Its main objective is to sensitize a group of children in early childhood education (ECE) to more sustainable practices, based on an intervention structured in according to an experiential approach, in order to promote in each child, high levels of emotional well-being and involvement, indicators of internal experience of authentic and meaningful learning. Nowadays, when the world crisis is being discussed in diverse spheres, it is increasingly urgent to focus children's learning on the importance of sustainability, respect, equity, preservation, recycling, reuse, among others. Departing from the identification of the need to contribute to the education for the sustainable development (ESD) of a group of children in ECE, the project was structured in five sessions focused on this theme. Thus, within an investigative approach, the intervention included the use of observation and empathic listening, and the Child Follow-up System (an instrument to support pedagogical practice, developed in the field of experiential approach in education), as means of collecting and reflectively analyzing the data generated. Focusing primarily on the oral productions and illustrations of children, the educational situations corresponded to an adult experiential intervention: based on an attitude of attention, respect and trust in the child's competences, and operationalized through the dimensions of stimulation, sensitivity and promotion of the child's autonomy. The results obtained, revealing high levels of emotional well-being and involvement during the sessions proposed to the children, point to a high interest and motivation regarding activities around this theme, carried out in an experiential approach, mobilizing their highest skills in these experiences. Thus, the work carried out suggests the relevance of combining the experiential approach in early childhood education with ESD, while promoting the child's empowerment, contributing to the development of an emancipated, conscious and fair citizen.
URI: http://hdl.handle.net/10773/29629
Appears in Collections:DEP - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Documento Ana_Machado.pdf6.95 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterLinkedIn
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.