Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10773/29503
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorLopes, Myriam Nunespt_PT
dc.contributor.authorPinto, Joana Catarina Marquespt_PT
dc.date.accessioned2020-10-20T14:37:45Z-
dc.date.available2020-10-20T14:37:45Z-
dc.date.issued2019-12-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10773/29503-
dc.description.abstractDa crescente preocupação com a qualidade do ar, surge a necessidade de estudos relativos à poluição atmosférica, de modo a que seja possível criar soluções para minimizar impactes ambientais. Nesta perspetiva, surge a sinergia com a unidade industrial, Funfrap – Fundição Portuguesa S.A., com o objetivo de estudar a influência das emissões atmosféricas na zona envolvente à entidade de acolhimento. A modelação numérica, é frequentemente utilizada para a previsão e simulação de possíveis cenários. Existem vários modelos de qualidade do ar, dos mais simples aos mais sofisticados, que devem ser aplicados consoante o objetivo do estudo. Para esta primeira abordagem, foi considerado um modelo preliminar, o SCREENview, que por ser uma ferramenta freeware de fácil manuseamento, e sem necessidade de inputs de dados meteorológicos, torna-se uma mais valia aquando de uma análise de sensibilidade. Para a aplicação do modelo, foram realizadas três simulações, variando apenas as condições meteorológicas selecionadas na ferramenta. Numa primeira fase, para cada uma das fontes, foram consideradas todas as classes de estabilidade (de Pasquill-Gifford), de forma a obter o “pior caso”, tendo em consideração a concentração do poluente no ambiente. Partindo dessa análise, foram fixadas as duas classes de estabilidade predominantes e foram definidos diferentes valores de velocidade do vento a testar. Assim, a segunda simulação, com atmosfera definida como “Ligeiramente Instável – C”, foi realizada para v = 2 m.s-1 e v = 3 m.s-1, já a última simulação, contou com a definição da atmosfera como “Muito Instável – A” e ventos de v = 1,5 m.s-1 e v = 2 m.s-1. Considerando os resultados para cada fonte individual, foram determinados os valores cumulativos de concentração de cada poluente de acordo com a distância à fábrica. Verificou-se que, independentemente do poluente, a concentração mais elevada (CPM10 = 36 μg.m-3; CDMEA = 0,1 μg.m-3; Ccov = 120 μg.m-3; CCOVNM = 79 μg.m-3; CCO = 151 μg.m-3; CNOX = 5 μg.m-3) foi sempre obtida para uma atmosfera considerada “Ligeiramente Instável” e v = 2 m.s-1, apesar de nunca exceder os limites legais. Foi também nestas condições que se constatou uma maior zona de influência na qualidade do ar, atingindo até 1000 m de distância à unidade industrial. Assim, a Funfrap poderá contribuir pontualmente para eventuais episódios de poluição atmosférica, em particular associados às emissões de PM10, quando as condições atmosféricas não são favoráveis à dispersão de poluentes.pt_PT
dc.description.abstractFrom the growing concern with air quality, there is a need for studies on air pollution, so that solutions can be created to minimize environmental impacts. From this perspective, synergy arises with the company, Funfrap – Fundição Portuguesa S.A., with the scope of studying the influence of atmospheric emissions in the area surrounding the host entity. Numerical modeling is often used for predicting and simulating possible scenarios. There are several models of air quality, from the simplest to the most sophisticated, which should be applied according to the objective of the study. For this first approach, it was considered a preliminary model, SCREENview, which because it is an easy-to-handle freeware tool, and without the need for meteorological data inputs, becomes an added value when an analysis of sensitivity. For the application of the model, three simulations were performed, varying only the meteorological conditions selected in the tool. In a first phase, for each of the sources, all stability classes (by Pasquill-Gifford) were considered in order to obtain the "worst case", considering the concentration of pollutant in the environment. Taking into account this analysis, the two predominant stability classes were fixed and different wind speed values to be tested were defined. Thus, the second simulation, with atmosphere defined as "Slightly Unstable - C", was performed for v = 2 m.s-1 and v = 3 m.s-1, the last simulation, had the definition of the atmosphere as "Very Unstable – A" and winds of v = 1.5 m.s-1 and v = 2 m.s-1. Considering the results for each individual source, the cumulative concentration values of each pollutant were determined according to the distance to the factory. It was found that, regardless the pollutant, the highest concentration (CPM10 = 36 μg.m-3; CDMEA = 0.1 μg.m-3; CCOV = 120 μg.m-3; CCOVNM = 79 μg.m-3; CCO = 151 μg.m-3; CNOX = 5 μg.m-3) was always obtained for an atmosphere considered "Slightly Unstable" and v = 2 m.s-1, although it never exceeds legal limits. It was also in these conditions that an area of influence on air quality was found, reaching up to 1000 m away to the industrial unit. Thus, Funfrap may contribute punctually to episodes of air pollution, particularly associated with PM10 emissions, when weather conditions are not favorable to pollutants dispersion.pt_PT
dc.language.isoporpt_PT
dc.rightsopenAccesspt_PT
dc.rights.urihttps://creativecommons.org/licenses/by/4.0/pt_PT
dc.subjectModelação da qualidade do arpt_PT
dc.subjectDispersãopt_PT
dc.subjectSCREENviewpt_PT
dc.titleEstudo da dispersão de poluentes atmosféricos emitidos pela unidade industrial FunFrap - Fundição Portuguesa S. A.pt_PT
dc.typemasterThesispt_PT
thesis.degree.grantorUniversidade de Aveiropt_PT
dc.description.masterMestrado em Engenharia do Ambientept_PT
Appears in Collections:DAO - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Documento_Joana_Pinto.pdf5.86 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterLinkedIn
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.