Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10773/29475
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorSoares, Sandra Cristina de Oliveirapt_PT
dc.contributor.advisorDimas, Isabelpt_PT
dc.contributor.authorMartins, Salomé de Sousapt_PT
dc.date.accessioned2020-10-19T13:07:14Z-
dc.date.available2020-10-19T13:07:14Z-
dc.date.issued2019-12-20-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10773/29475-
dc.description.abstractO conflito é um fenómeno inevitável nos grupos de trabalho. Tradicionalmente, era considerado potencialmente prejudicial para a eficácia. Perspetivas recentes sugerem a distinção entre conflitos relacionais (CR) e conflitos de tarefa (CT). É relativamente consensual que, quando centrado nas tarefas, o conflito poderá revelar-se positivo, sobretudo quando a carga emocional negativa associada é adequadamente gerida. Contudo, no que concerne ao conflito relacional, os resultados são díspares. O presente estudo, de carácter experimental, tem como objetivo explorar a relação entre o tipo de conflito e as emoções vividas pelos membros do grupo no decorrer de uma interação e compreender de que forma os dois tipos de conflito influenciam a qualidade da comunicação das equipas. Os resultados demonstram que o nível da qualidade da comunicação é influenciado pelo conflito e pelas emoções desencadeadas. No geral, os resultados indicam que o CT e o CR têm igualmente um efeito negativo na qualidade da comunicação e que as emoções (positivas e negativas) dos participantes podem influenciar a sua avaliação da qualidade da comunicação. Adicionalmente, os indivíduos que vivenciam CT ou CR relatam menor intensidade de emoções positivas e maior intensidade de emoções negativas do que os sujeitos que não vivenciaram conflito (condição de controlo; CC). Desta forma, o presente estudo reforça o papel das emoções na literatura do conflito, bem como o papel do conflito na qualidade da comunicação.pt_PT
dc.description.abstractConflict is an unavoidable phenomenon in teamwork. Traditionally, it was considered potentially harmful for teamwork effectiveness. Recent perspectives suggest a distinguished definition between relationship conflict (RC) and task conflict (TC). It's consensual in the scientific literature that when the conflict is task-centered it may be positive, especially if the negative emotions are well-managed but the results are mixed in relationship conflict literature. This experimental study wants to explore the relationship between the type of conflict and the emotions of the group during the experiment and try to understand how these two types of conflict influence the quality of communication between groups. Results showed the level of quality of communication is influenced by conflict and by consequent emotions. Most importantly, the results indicate that TC and RC have both a negative effect on the quality of communication. The results also show that the participants’ emotions (either positive or negative) may influence their own assessment of communication quality. Additionally, subjects that experience TC or RC report feeling less intense positive emotions and more intense negative emotions that control subjects (CC). Therefore, this study reinforces the role of the emotions in conflict literature, as well as conflicts role in communication quality.pt_PT
dc.language.isoporpt_PT
dc.rightsopenAccesspt_PT
dc.rights.urihttps://creativecommons.org/licenses/by/4.0/pt_PT
dc.subjectGrupos de trabalhopt_PT
dc.subjectConflito de tarefapt_PT
dc.subjectConflito relacionalpt_PT
dc.subjectEmoçõespt_PT
dc.subjectQualidade da comunicaçãopt_PT
dc.titleConflito, emoções e qualidade da comunicação em equipas de trabalhopt_PT
dc.typemasterThesispt_PT
thesis.degree.grantorUniversidade de Aveiropt_PT
dc.description.masterMestrado em Psicologia da Saúde e Reabilitação Neuropsicológicapt_PT
Appears in Collections:UA - Dissertações de mestrado
DEP - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Documento Salomé_ Martins.pdf867.19 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterLinkedIn
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.