Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10773/28792
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorFreitas, Adelaide de Fátima Baptista Valentept_PT
dc.contributor.authorMorais, Ana Julieta Oliveirapt_PT
dc.date.accessioned2020-07-06T23:53:46Z-
dc.date.available2020-07-06T23:53:46Z-
dc.date.issued2019-12-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10773/28792-
dc.description.abstractA atitude dos estudantes em relação à Estatística é um tema amplamente investigado a nível do ensino universitário. Para estudantes do 3º ciclo do ensino básico, população alvo deste estudo, são ainda raros (mesmo a nível internacional) os trabalhos que se encontram na literatura. Neste trabalho foi efetuada uma adaptação transcultural ao contexto educacional português do instrumento de medida selecionado, a escala de atitudes em relação à Estatística SATS 36© (Survey of Attitudes Toward Statistics©, versão Pos). A escala adaptada, com a adição de 6 questões sobre características dos estudantes, foi aplicada a um conjunto de 232 estudantes, com idades compreendidas entre 12 e 18 anos. Usando uma análise fatorial confirmatória, verificou-se que o modelo fatorial original proposto pela autora de SATS 36© e o modelo fatorial recentemente proposto na literatura, adequado para estudantes do ensino médio e secundário na Estónia, não se ajustam aos dados recolhidos sobre os estudantes do 3º ciclo do ensino português. Este facto levou à construção de um novo modelo, de 4 fatores, usando Análise Fatorial Exploratória. Constatou-se que, embora distintos, os modelos português e estonianos construídos para este nível de ensino apresentam um estrutura bastante similar.pt_PT
dc.description.abstractStudents' attitude towards statistics is a highly researched subject at the university level. However, with students of the 3rd cycle of basic education, the focus of this study, there are still few studies found in the literature. In this work, a cross-cultural adaptation to the educational context of the selected measuring instrument SATS 36 © (Survey of Attitudes Toward Statistics©, Pos) was performed. The adapted scale, with the addition of 6 student resource questions, was applied to 232 students aged 12 to 18 years. Using Confirmatory Factor Analysis, it was found that the original factor model proposed by the author of SATS 36 © and a factorial model recently approached in the literature, suitable for high school students in Estonia, do not fit the data collected on students of the 3rd cycle of Portuguese education. This fact led to the construction of a new 4-factor model using Exploratory Factor Analysis. Although distinct, the english and estonian models built for this level of education exhibited a very similar structure.pt_PT
dc.language.isoporpt_PT
dc.rightsopenAccesspt_PT
dc.rights.urihttps://creativecommons.org/licenses/by/4.0/pt_PT
dc.subjectAtitudespt_PT
dc.subjectEstatísticapt_PT
dc.subjectEducação estatísticapt_PT
dc.subjectInvestigaçãopt_PT
dc.subjectSATS 36pt_PT
dc.subjectEstudantespt_PT
dc.subjectEnsino básicopt_PT
dc.subjectTraduçãopt_PT
dc.subjectRetro traduçãopt_PT
dc.titleEstudo das atitudes em relação à estatística de estudantes do 3º ciclo do ensino básicopt_PT
dc.typemasterThesispt_PT
thesis.degree.grantorUniversidade de Aveiropt_PT
dc.description.masterMestrado em Matemática para Professorespt_PT
Appears in Collections:DMat - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Ana Julieta Oliveira Morais.pdf1.73 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterLinkedIn
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.