Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10773/27313
Title: Representações sobre a língua portuguesa e sua promoção no mundo por futuros profissionais da Educação em formação
Other Titles: Representations on the Portuguese language and its promotion in the world by future teachers
Author: Sá, Cristina Manuela
Silva, Maria Cristina Vieira da
Macário, Maria João Bártolo
Keywords: Língua materna
Valor da língua portuguesa
Perceções
Formação de professores
Issue Date: 2018
Abstract: A constante mutação característica da sociedade do séc. XXI exige um modelo de educação centrado no desenvolvimento de competências. A proficiente comunicação oral e escrita faz parte dessas competências essenciais e deve ser promovida através do ensino ‘de’ e ‘em’ Português. Neste contexto, cabe igualmente a reflexão sobre as representações da língua portuguesa (LP) que advêm da forma como esta é ensinada/aprendida. Daí que uma equipa de um laboratório de investigação esteja a promover estudos exploratórios sobre esta problemática, visando traçar um perfil dos estudantes (em formação inicial e pósgraduada) e, a partir desse conhecimento, encontrar estratégias para alterar as suas representações sobre a LP, o que se irá refletir nas representações dos seus futuros alunos. Adotou-se uma metodologia de índole qualitativa associada ao estudo de caso, recorrendo-se ao inquérito por questionário para a recolha de dados, que foram objeto de análise de conteúdo. Este artigo refere-se a um estudo exploratório tendo por informantes futuros profissionais da Educação a frequentar o 1.º ano de uma licenciatura em Educação Básica, que revelaram representações sobre a LP demasiado presas à sua origem geográfica e lacunas quanto à sua variação pouco compatíveis com a inserção numa sociedade multicultural e plurilingue do séc. XXI.
The constant changes that affect the society in the 21st century demand an education focused in the development of competencies. The proficient oral and written communication is placed among those competencies and must be developed through the teaching/learning of the mother tongue. Conceptions on it resulting from the way it is taught/learned are also important in this context. Consequently, a team from a research laboratory has been doing studies on these topics, in order to draw a profile of graduation and post-graduation students, which will enable their teachers to adopt strategies capable of changing their conceptions on their mother tongue that will undoubtedly affect their future pupils. In these studies was adopted a qualitative methodology based on case study, the use of a questionnaire and content analysis. This article concerns a study in which took part future teachers and educators, attending the first year of a degree in Basic Education. One concluded they were too attached to the geographic origins of their mother tongue and rather unaware of the variations it admitted, a perspective that is very far from being adapted to the multicultural and plurilingual society of the 21st century.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10773/27313
DOI: 10.4025/actascilangcult.v40i1.35286
ISSN: 1983-4683
Publisher Version: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/ActaSciLangCult/article/view/35286
Appears in Collections:CIDTFF - Artigos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
073.pdf532.13 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterLinkedIn
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.