Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10773/26970
Title: Trajetórias de inclusão de crianças e jovens cegas e com baixa visão no Instituto de Deficientes Visuais da Beira: Moçambique
Author: Siyawadya, Gracinda Inácio
Advisor: Madeira, Rosa Lúcia de Almeida Leite Castro
Keywords: Deficiência visual
Cegueira
Baixa visão
Inclusão
Educação especial
Direitos da pessoa com deficiência
Defense Date: 19-Nov-2018
Abstract: O presente trabalho é o culminar do estudo de caso realizado no Instituto de Deficientes Visuais da Beira, na cidade da Beira em Moçambique. O estudo teve como objetivo compreender as trajetórias de inclusão de crianças e jovens cegas e com baixa visão do Instituto de deficientes visuais da Beira. Para responder a este objetivo, considerou-se o uso das técnicas de observação e entrevista que foram aplicadas aos participantes do estudo, organizados em grupos. No primeiro grupo denominado de grupo de Atividades dos tempos livres (ATL), o número de participantes foi indefinido por causa das caraterísticas do contexto da pesquisa. No grupo da 7ª classe participaram cinco crianças e jovens e no último grupo participaram 6 crianças e jovens. Para fundamentar as ideias que foram surgindo como resultado das informações obtidas no contexto da pesquisa contou-se com as contribuições teóricas concernentes a deficiência visual, a inclusão numa perspetiva de educação, direitos da pessoa com deficiência e a educação especial. Como resultado, constatou-se que de uma forma gera, as crianças e jovens não se sentem incluídas nos contextos em que convivem. Para completar o estudo propôs-se uma intervenção comunitária com intuito de contribuir para minimizar o impacto da exclusão social destas crianças e jovens
This paper is the culmination of a case study carried out at the Instituto de Deficientes Visuais of the city of Beira, Mozambique. The objective of the study was to understand the inclusion trajectories of blind and low vision children and young people from the Instituto de Deficientes Visuais of Beira. In order to respond to this objective, observation and interview techniques were considered which were applied to the study participants, organized in groups. In the first group, called the Leisure Activities group (ATL), the number of participants was undefined due to the characteristics of the context of the research. In the 7th group participated in five children and young people and in the last group 6 children and young people participated. To support the ideas that emerged as a result of the information obtained in the context of the research was used the theoretical contributions concerning visual deficiency, inclusion in a perspective of education, disability rights and special education. As a result, it has been found that in general, children and young people do not feel included in the contexts in which they live. To complete the study, a community intervention was proposed in order to contribute to minimize the impact of the social exclusion of these children and young people
URI: http://hdl.handle.net/10773/26970
Appears in Collections:DEP - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Documento.pdf1.52 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterLinkedIn
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.