Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10773/25831
Title: Diagramas de comportamento geotécnico de solos residuais baseados no ensaio DMT
Author: Teixeira, Tiago André Mendes
Advisor: Cruz, Nuno Bravo de Faria
Keywords: Dilatómetro de Marchetti
Coesão
Solos residuais
Diagramas de comportamento
Issue Date: 19-Dec-2018
Abstract: O estudo dos solos residuais é um tema que cada vez tem mais importância na mecânica dos solos já que está provado, que a aplicação da mecânica dos solos clássica não consegue cobrir completamente o comportamento deste tipo de materiais, onde a estrutura de cimentação representa um papel importante tanto no comportamento resistente como no deformacional. Um dos principais problemas da caracterização destes solos através de ensaios in situ é a necessidade de avaliar simultaneamente coesão e ângulo de resistência ao corte a partir das mesmas medições. As metodologias disponíveis, aplicáveis a solos sedimentares, consistem na obtenção de ângulos de resistência ao corte em solos granulares ou coesão não drenada em solos argilosos, pelo que não se podem aplicar com sucesso a solos de natureza coesivo friccional, como são os solos residuais. Em consequência, novas metodologias baseadas em ensaios multi-paramétricos têm vindo a ser desenvolvidas, como é o caso do ensaio com Dilatómetro de Marchetti, DMT. Este ensaio tem vindo a ser amplamente utilizado com sucesso na caracterização de solos residuais graníticos, designadamente das formações de Granito do Porto e Granito da Guarda, para os quais foi desenvolvida uma metodologia especifica para obtenção da coesão e do ângulo de resistência ao corte. Este trabalho enquadra-se na sequência dessas aplicações, procurando verificar a aplicabilidade nos solos residuais, de diagramas de comportamento geotécnico inicialmente desenvolvidas para o caso de solos sedimentares, bem como de verificar a possibilidade de enquadramento nesses diagramas, da magnitude da coesão
Investigation of residual soils has been gaining more and more specificity, since classical soil mechanics cannot fully explain its behaviour, which is strongly marked by the influence of the cementation structure on strength and stiffness. One of the main difficulties to characterize these soils based in in situ testing is the need to separate the global strength into two variables: cohesion and angle of shearing resistance. The common methodologies only include one parameter, namely effective angle of shearing resistance of granular soils or undrained strength of cohesive soils. Therefore, new methodologies based in multi-parametric tests has been proposed lately, as it is the case of Marchetti Dilatometer test, which has been successfully applied in Porto and Guarda granitic residual soils. In these formations, is actually possible to evaluate simultaneously both parameters through a specific methodology. The present work is in the sequence of the referred developments and focus in the applicability of the self-behaviour type diagrams developed for sedimentary soils, in the identification of cementation influence and magnitude in each sounded residual massif
URI: http://hdl.handle.net/10773/25831
Appears in Collections:DGeo - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Documento.pdf4.44 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterLinkedIn
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.