Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10773/25230
Title: Autorregulação: contributo para o desenvolvimento da aprendizagem do saxofone: um estudo de caso
Author: Ornelas, Mariana Isabel Rodrigues
Advisor: Caspurro, Helena
Keywords: Aprendizagem
Autorregulação
Estratégias de ensino-aprendizagem
Música
Saxofone
Issue Date: 31-Oct-2018
Abstract: A autorregulação é um construto teórico que permite explicar como o processo de aprender está intimamente dependente de ações de natureza motivacional, cognitiva e metacognitiva, geridas e desenvolvidas pelo sujeito. O presente estudo pretende ser em última instância um contributo para o estudo do ensino-aprendizagem da música, concretamente do saxofone, refletindo sobre o fenómeno da autorregulação na promoção daquele processo, nomeadamente no âmbito do ensino do saxofone. São seus objetivos específicos: 1) promover o desenvolvimento e a expansão da aprendizagem do saxofone, nomeadamente do aluno em estudo, ajudando-o a ultrapassar obstáculos evidenciados; 2) analisar e fundamentar tais dificuldades à luz dos estudos em torno da autorregulação; 3) procurar respostas no âmbito da reflexão teórica sobre aquele construto que possibilitem não apenas consolidar a hipótese de partida – a relação entre possibilidades de incremento de sucesso do aluno em estudo e a aplicação de estratégias autorregulatórias -, como ainda refletir e atuar mais eficazmente como professora. Constituindo este trabalho uma abordagem de estudo de caso e de investigação-ação, num primeiro momento procuraram-se as áreas de interesse do aluno, bem como estratégias autorregulatórias utilizadas pelo mesmo que se verificariam no contexto de uma das disciplinas em que a aprendizagem era realizada com sucesso, neste caso a matemática, utilizando-se instrumentos de análise estandardizados. Num segundo momento, tendo em vista a aprendizagem do saxofone do mesmo aluno, desenvolveu-se e implementou-se uma metodologia de ensino que passou por adaptar e aplicar estratégias autorregulatórias que se verificaram bem-sucedidas na matemática. Finalmente, e usando mais uma vez testes estandardizados aplicados à música, aferiu-se a evolução deste processo. Os resultados, ainda que caraterizados por inevitáveis limitações, indicam que a aprendizagem do saxofone parece ter sido desenvolvida e potenciada, e que os processos autorregulatórios são fatores indicadores de sucesso, tal como verificado em estudos anteriores. A segunda parte desta dissertação constitui um relato descritivo do trabalho de estágio realizado no âmbito da disciplina de Prática de Ensino Supervisionada realizada ao longo do ano letivo 2017/2018 na Academia de Música de Vilar do Paraíso
Self-regulation is a theoretical construct that allows explaining how the process of learning is closely dependent on actions of a motivational, cognitive and metacognitive nature, managed and developed by the subject. The present article aims to be ultimately a contribution to the study of the teaching and learning of music, specifically the saxophone, reflecting on the phenomenon of self-regulation in the promotion of that process, especially in the field of saxophone teaching. Its specific objectives are: 1) to promote the development and expansion of the learning of the saxophone, in particular of the student under study, helping him to overcome obstacles; 2) to analyze and justify such difficulties in the light of studies on self-regulation; 3) to look for answers within the framework of theoretical reflection on that construct that will not only consolidate the hypothesis of departure - the relation between possibilities of increasing the success of the student under study and the application of self-regulatory strategies -, as well as to reflect and act more effectively as a teacher. Constituting this article an approach of case study and action-research, at first, the areas of interest of the student were researched, as well as self-regulatory strategies used by the student in the context of one of the disciplines in which learning was carried out successfully, in this case mathematics, using standardized analysis tools. In a second moment, with the purpose of the saxophone learning by the same student, a teaching methodology was developed and implemented that went through adapting and applying self-regulatory strategies that were successful in mathematics. Finally, and once again using standardized tests applied to music, we checked the evolution of this process. The results, although characterized by inevitable limitations, indicate that the learning of the saxophone seems to have been developed and enhanced, and that self-regulating processes are indicators of success, as verified in previous studies. The second part of this dissertation is a descriptive report of the internship work carried out within the scope of the Supervised Teaching Practice course held during the 2017/2018 school year at the Academia de Música de Vilar do Paraíso
URI: http://hdl.handle.net/10773/25230
Appears in Collections:DeCA - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Documento.pdf11.21 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.