Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10773/22013
Title: A magnitude e relevância das imparidades em contas a receber nas empresas da Euronext Lisbon
Author: Neves, Daniela Catarina Leal
Advisor: Carvalho, Carla
Keywords: Instrumentos financeiros
Empresas cotadas - Portugal
Demonstrações financeiras
Perdas por imparidade
Normas contabilísticas de relato financeiro
Finanças empresariais
Defense Date: 22-Dec-2016
Publisher: Universidade de Aveiro
Abstract: As entidades devem avaliar, no final de cada período de relato, se existem provas objetivas de que um ativo financeiro, onde se incluem as contas a receber, está em imparidade. Não obstante as normas de contabilidade enumerarem alguns dados observáveis, que servem como prova objetiva de que um ativo financeiro está em imparidade, a entidade deve usar sempre o julgamento, decorrente da sua experiência, para ajustar aqueles dados. Assim, o reconhecimento das imparidades em contas a receber poderá ser influenciado por diversas variáveis, designadamente pelo seu desempenho e pelo prazo médio de recebimentos, assim como pelo contexto económico em que as entidades estão inseridas. O presente estudo tem como principais objetivos analisar a magnitude e a relevância das perdas por imparidade em contas a receber nas empresas da Euronext Lisbon, assim como avaliar a sua evolução ao longo do período de 2005 a 2014, atendendo à recente crise financeira que assolou o nosso país. O estudo segue uma abordagem longitudinal, assentando na recolha direta e análise de conteúdo dos relatórios e contas consolidados das empresas com valores cotados na Euronext Lisbon, no período de 2005 a 2014. Do estudo empírico realizado concluímos que as imparidades em dívidas a receber têm uma maior magnitude e uma maior relevância nas demonstrações financeiras nos períodos de crise, e que são as empresas de menor dimensão as que reconhecem mais imparidades. Encontramos, ainda, indícios da prática de big bath, porquanto foi nos anos de pior desempenho financeiro que o reconhecimento das perdas por imparidade em dívidas a receber mais afetou negativamente os resultados das empresas da amostra.
Entities shall assess, at the end of each reporting period, whether there are objective evidences that a financial asset, including account receivables, is in impairment. Although accounting standards identify some observable data, which serve as objective evidence that a financial asset is in impairment, an entity must always use the judgment, derived from its experience, to adjust that data. Thus, the recognition of impairment in account receivables might be influenced by several variables, namely by their performance and the average receive time, as well as by the economic context in which the entities are inserted. The main objective of this study is to analyze the magnitude and relevance of impairment losses on account receivables at Euronext Lisbon companies, as well as to evaluate their evolution over the period from 2005 to 2014, given the recent financial crisis that has devastated our country. The study follows a longitudinal approach, based on the direct collection and content analysis of consolidated financial statements of the Euronext Lisbon listed companies, from 2005 to 2014. From the empirical study we concluded that the impairments on accounts receivable have a greater magnitude as well as greater relevance in the financial statements in the crisis periods. We also concluded that the smaller companies recognize more impairments when compared to the biggest ones. We also found big bath practice indications, because it was mainly in the worst financial performance years that the recognition of impairment losses on receivables affected negatively the companies results.
Description: Mestrado em Contabilidade - Auditoria
URI: http://hdl.handle.net/10773/22013
Appears in Collections:ISCA-UA - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação.pdf1.04 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterLinkedIn
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.