Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10773/17181
Title: Estudo sobre o conhecimento dos pais acerca do cyberbullying
Author: Melo, Juliana da Silva
Advisor: Silva, Carlos Fernandes da
Keywords: Psicologia forense
Bullying - Prevenção
Internet - Aspectos psicológicos
Tecnologias da informação
Comportamento anti-social
Papel da escola
Relações pais-filhos
Sistema educativo
Relações escola-familia
Defense Date: 2015
Publisher: Universidade de Aveiro
Abstract: O presente trabalho é um estudo no Concelho de Aveiro sobre o Cyberbullying do ponto de vista dos pais. Este fenómeno que atinge maioritariamente adolescentes deverá ser analisado para se apostar fortemente na prevenção e na redução de comportamentos de risco através da internet. Para a realização da presente investigação foi constituída uma amostra de 105 pais (pai e mãe) de crianças e jovens entre os 6 e os 16 anos de idade pertencentes a várias escolas de Aveiro. Através da administração de questionários aos pais, foi possível analisar diversas variáveis que poderão estar mais ou menos relacionadas com o conhecimento dos mesmos sobre o cyberbullying e, por sua vez, com os seus comportamentos de supervisão perante os filhos enquanto estes acedem à internet. Os resultados mais significativos revelaram que a maioria dos educandos nas idades mencionadas acede à internet, sendo que o dispositivo tecnológico mais utilizado é o computador (fixo/portátil). Por sua vez os conteúdos a que mais acedem são as redes sociais. A diferença entre sexos influencia o tipo de recursos tecnológicos a que acedem, assim como a utilização que fazem deles. Conclui-se que nos rapazes há uma maior predisposição para acederem a mais dispositivos e, com isto, experimentam mais modalidades eletrónicas, resultado que também vai ao encontro de algumas pesquisas realizadas anteriormente na área. Outro resultado interessante sugere que os encarregados de educação têm conhecimento sobre o cyberbullying e que manifestam comportamentos de supervisão (definem horários na utilização da internet e dialogam com os filhos). Além disso consideram que se deve apostar na prevenção, sobretudo na dinamização de atividades nas aulas.
The present investigation is a study in Aveiro City on Cyberbullying from the point of view of parents. This phenomenon that affects teenagers, should be analyzed to best prevent and reduce the risk behaviors over the internet. This research was made on a group of 105 parents (father and mother) of children with ages between 6 and 16 years, belonging to several schools of Aveiro. Applying questionnaires to parents we could analyze several variables that may be more or less related to their knowledge on cyberbullying, and with their behavior supervision while their children were in the Internet. The most significant results revealed that the majority of students with mentioned ages access the Internet, and the most of them used the computer technology device (fixed/mobile). On the other hand the most accessed contents are social networks. The difference between the genders influences the type of technological resources they access, as well as the use they make of them. It is concluded that in boys there is a greater predisposition to gain access to more devices and with that experience more electronic forms, a result that also is similar with some research previously conducted in the area. Another interesting result suggest that parents are aware of cyberbullying and supervision manifest behaviors (define schedules in the use of internet and dialogue with the children). Also consider it necessary to invest in prevention, particularly in stimulating activities in class.
Description: Mestrado em Psicologia Forense
URI: http://hdl.handle.net/10773/17181
Appears in Collections:DE - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação Juliana Melo.pdf773.45 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.