Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10773/16948
Title: Educação para o pensamento criativo e crítico em tecnologia e design de produto
Author: Clemente, Violeta Catarina Marques
Advisor: Vieira, Rui Marques
Tschimmel, Katja Christina
Keywords: Design
Desenvolvimento de produtos
Pensamento criativo
Pensamento crítico
Design de produtos
Defense Date: 2016
Publisher: Universidade de Aveiro
Abstract: A investigação relatada emergiu das observações da autora, enquanto docente numa licenciatura de Tecnologia e Design de Produto, numa instituição portuguesa de ensino superior politécnico, face às dificuldades dos estudantes de pensar criativamente, particularmente na fase de geração de conceitos, e de se posicionar, criticamente, em relação a essas ideias. Em linha com essas observações está a literatura recente que sugere que o desenvolvimento das capacidades de pensamento criativo e de pensamento crítico devem constituir objetivos explícitos de aprendizagem nos cursos de design. O estudo teve por objetivo avaliar o efeito de uma intervenção didática potencialmente promotora do pensamento criativo e do pensamento crítico sobre o desempenho de um grupo de estudantes, acompanhado ao longo de três semestres letivos. Para esse efeito, realizaram-se testes de criatividade e de pensamento crítico pré e pós-intervenção no grupo experimental e num grupo de controlo. No quadro sócio-crítico em que o estudo se inscreve, a intervenção aplicada assentou em dois pressupostos teóricos fundamentais: (1) as capacidades de pensamento criativo e crítico dos estudantes podem ser promovidas pela introdução do Design Thinking como um conteúdo de aprendizagem, e (2) esse trabalho deve ser complementado pela promoção da reflexão metacognitiva dos estudantes. O desenho da intervenção teve por base o mesmo modelo de Design Thinking. Perspetivando-se, por analogia, o processo de ensino e aprendizagem como uma viagem de natureza exploratória, desenvolveu-se o conceito de um Logbook individual como instrumento didático potencialmente promotor da autorreflexão metacognitiva dos estudantes. Em associação, concebeu-se uma taxonomia de estilos cognitivos. Os resultados obtidos indicam uma evolução positiva das capacidades de pensamento criativo do grupo experimental, quando comparado com o grupo de controlo. Quanto ao pensamento crítico, não foram detetadas diferenças significativas em nenhum dos grupos. Do trabalho realizado resultaram instrumentos didáticos potencialmente promotores das capacidades de pensamento dos estudantes a serem utilizadas em unidades curriculares de projeto no domínio do design e desenvolvimento de produto.
Presented research arose from author’s observations as a teacher in a Technology and Product Design degree of a Portuguese polytechnic institution, given the students’ difficulties to think creatively, particularly in the phase of generating concepts and positioning themselves critically about these ideas. In line with these observations, recent literature suggests that the development of creative thinking and critical thinking skills should constitute explicit learning objectives in design courses. The study aimed to evaluate the effect of an educational intervention potentially promoter of creative thinking and critical thinking on the performance of a group of students followed through three consecutive semesters. To this end, creativity and critical thinking tests, pre and post intervention, were applied in the experimental group and in a control group. Attending the socio-critical characteristics of the study, applied intervention was based on two fundamental theoretical assumptions: (1) students’ creative and critical thinking skills can be promoted by the introduction of Design Thinking as a learning content, and (2) this work should be complemented by the promotion of students’ metacognitive reflection. Intervention design was based on the same Design Thinking model. Comparing the learning process, by analogy, with an exploratory travel, a concept of an individual Logbook as an educational tool to potentially promote students’ metacognitive self-reflection was developed. A complementary taxonomy of cognitive styles was also conceived. Results indicate a positive evolution of creative thinking skills in the experimental group compared with the control group. In respect with critical thinking, no significant differences in either group were detected. Resulting from the study, teaching tools to be applied in courses in the field of design and product development that can potentially promote students’ thinking skills were produced.
Description: Doutoramento em Educação - Didática e Desenvolvimento Curricular
URI: http://hdl.handle.net/10773/16948
Appears in Collections:UA - Teses de doutoramento
DE - Teses de doutoramento

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese 1.pdf9.67 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.