Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10773/16031
Title: Jovens NEET: o caso português
Author: Silva, Anabela Tavares Pereira da
Advisor: Coelho, Carlos Meireles
Keywords: Formação profissional
Mercado de trabalho
Desemprego de jovens
Jovens - Educação
Inserção na vida activa
Abandono escolar
Política educativa
Defense Date: 2015
Publisher: Universidade de Aveiro
Abstract: O fenómeno NEET- “Not in Employment, Education or Training”, jovens que não estudam, não trabalham e não frequentam qualquer formação, constitui um problema social comum ao espaço europeu, onde, segundo o Eurostat há 14 milhões de jovens excluídos do mercado de trabalho e do sistema de educação e formação. A perda económica resultante desde afastamento é estimada em 153 mil milhões de euros por ano, 1,2% do PIB da União Europeia. Apresenta-se uma análise crítica do conceito NEET e a sua dimensão europeia. Em Portugal a “Geração Nem-Nem” tem vindo a crescer significativamente desde 2008 e atingiu um valor recorde em 2012 com 434 mil jovens inativos, colocando Portugal entre os 10 países da OCDE com maior percentagem de NEET. Procura-se traçar um diagnóstico do perfil destes jovens, compreender quem são e quanto custa ao país o seu afastamento da escola e do mercado de trabalho. Por fim, abordam-se as principais estratégias políticas que vêm sendo adotadas para reduzir o número de NEET, com a criação de um conjunto de programas de apoio à transição entre o sistema de educação e formação e o mercado de trabalho, estímulos à criação de emprego e uma aposta no reforço do ensino profissional e da aprendizagem dual. Conclui-se que o fenómeno NEET em Portugal tem registado uma tendência crescente e resulta em grande medida do aumento exponencial das taxas de desemprego jovem que em 2013 atingiram os 40%, predominando jovens com um nível de escolaridade relativamente baixo. Contudo, as estatísticas demonstram que o problema também cresceu nos últimos anos entre os que têm formação superior, o que revela um problema estrutural que dificulta a transição da educação para o mercado de trabalho, mesmo entre os mais qualificados.
The NEET- phenomenon "Not in Employment, Education or Training", young people who do not study, do not work and are not in training, is a common social problem in Europe, where, according to Eurostat's, there are 14 million young people excluded from the labour market and the education and training systems. The resulting economic loss of this exclusion is estimated at 153 billion euros, 1.2% of EU GDP. We intend to present a critical analysis of the NEET concept and its European dimension. In Portugal the “Nem-Nem" generation has grown significantly since 2008 and reached a record number in 2012: 434,000 idle youth, placing Portugal among the 10 OECD countries with the highest percentage of NEET. We intend to outline a diagnostic profile of these young people, to understand who they are and how much this withdrawal from school and the labour market costs to the country. Finally, we address the main political strategies that have been adopted to reduce the number of NEET, by creating a set of programs to support the transition from the education and the training systems to the labour market, and also by implementing incentives for employment creation and invest on the reinforcement of vocational education and dual learning. In conclusion: the NEET phenomenon in Portugal has registered a growing trend and is largely due to the exponential increase of youth unemployment rates, which in 2013 reached 40%, predominantly among young people with a relatively low education level. However, statistics show the problem has grown in recent years among those with higher education, which reveals a structural problem that hinders the transition from education to the labour market, even among the most qualified.
Description: Mestrado em Ciências da Educação - Formação Pessoal e Social
URI: http://hdl.handle.net/10773/16031
Appears in Collections:DE - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese.pdfTese3.46 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.