Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10773/1389
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorVieira, Rui Marquespor
dc.contributor.authorGonçalves, Nuno Miguel de Sousapor
dc.coverage.spatialAveiropor
dc.date.accessioned2011-04-19T13:39:35Z-
dc.date.available2011-04-19T13:39:35Z-
dc.date.issued2009por
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10773/1389-
dc.descriptionMestrado em Educação em Ciências no 1º ciclo do Ensino Básicopor
dc.description.abstractTendo certa a existência crescente de espaços de educação não-formal de ciência e o seu importante papel educativo para a compreensão pública da ciência e promoção da literacia científica dos indivíduos, houve a tomada de consciência da necessidade de se construírem recursos didácticos para um deles – "jardim da Ciência", contexto de educação não-formal, existente no Departamento de Didáctica e Tecnologia Educativa da Universidade de Aveiro. A educação em ciências visa a promoção da literacia científica dos cidadãos sendo o movimento CTS (Ciência – Tecnologia – Sociedade) uma das vias para alcançar esse fim; o presente estudo tem por finalidade conceber e validar recursos didácticos de cariz CTS em contexto de educação não-formal de ciências. Trata-se de um estudo qualitativo com propósito de investigação e desenvolvimento. Foram usados vários instrumentos de recolha de dados: o questionário aos alunos ministrado após a visita ao "jardim da Ciência" orientada pelos recursos didácticos construídos e uma entrevista semi-estruturada, após a vista, aos professores que acompanham os seus alunos. Pretendia-se com este procedimento averiguar a validade didáctica dos recursos construídos. Os principais resultados desta investigação sugerem que os alunos ficaram bastante satisfeitos com a visita efectuada, demonstrando interesse em voltar a efectuar uma nova visita, também com a família. Verificou-se que existem alunos apresentam dificuldades nos conhecimentos inerentes à temática das "forças e movimentos", patentes nos módulos em causa. Em face do estudo concluiu-se que é necessária a continuidade do reforço da articulação entre o ensino formal e o não-formal dado que o desempenho, que os alunos evidenciam com a utilização de materiais didácticos durante a visita, melhorou. Os professores que acompanharam os alunos nesta visita são optimistas quanto à utilidade dos materiais construídos para a exploração da visita, referindo que os mesmos podem melhorar a exploração da visita e torná-la mais proveitosa. Os recursos materiais afiguram-se adequados para os alunos do 3.º e 4.º ano de escolaridade. Este estudo afigura-se como um contributo para a educação em ciências no 1º CEB, nomeadamente em contextos não-formais de ciências; poderá ser igualmente relevante para os professores do ensino básico uma vez que lhes disponibiliza um conjunto de recursos didácticos para a visita ao "jardim da Ciência". ABSTRACT: Taking the ever-growing number of educational spaces dedicated to the non-formal teaching of science as a certainty and their educational role in the public perception of science and the promotion of scientific literacy as important, there came the realisation that educational resources were in demand. Hence, the "science garden", an informal educational context, located at the Education and Educational Technology Department at the Aveiro University. Science education aims to promote scientific literacy of the citizens, with STS (Science – Technology – Society) being one of the ways to reach that goal; the present study aims to design and validate educational resources of the STS area in an informal science teaching context. It is a qualitative study with the aim to investigate and develop. Several data collection instruments were used: questioning pupils after their visit to the "science garden" guided by the educational resources designed, and a semi-structured interview with accompanying teachers. The aim was to check the educational validity of the resources designed. The main results of this investigation suggest that pupils were quite pleased with the visit, showing interest in returning with their families. Moreover, it showed that some pupils demonstrate learning difficulties connected to the theme "forces and movement", apparent in the modules concerned. In view of the study, it was concluded that it is necessary to continue the efforts to articulate formal and non-formal education, given the fact that pupil performance improved with the use of the educational resources during the visit. The teachers who supervised the visit are optimistic about the usefulness of the resources designed, commenting on how they can be improved on, in order to make the visit a more successful experience on the whole. The material resources were appropriated to pupils of classes 3 and 4. This study has become an important contribution to science education in primary years, particularly in an non-formal science context. It may be equally relevant to primary teachers, since it makes a set of educational resources available to them for the visit to the "garden of Science".por
dc.language.isoporpor
dc.publisherUniversidade de Aveiropor
dc.relation.urihttp://opac.ua.pt/F?func=find-b&find_code=SYS&request=000228542por
dc.rightsopenAccesspor
dc.subjectEnsino das ciênciaspor
dc.subjectCentros de recursos educativospor
dc.subjectMaterial didácticopor
dc.subjectEducação pré-escolarpor
dc.titleRecursos didácticos de cariz CTS para a educação não-formal em ciênciaspor
dc.typemasterThesispor
thesis.degree.levelMestradopor
thesis.degree.grantorUniversidade de Aveiropor
Appears in Collections:DE - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2009001347.pdf1.52 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.