Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10773/12630
Title: Pesquisa rápida de aneuploidias em diagnóstico prénatal: recomendações
Author: Moreira, Marta Fernandes
Advisor: Castedo, Sérgio Manuel Madeira Jorge
Pacheco, Mário Guilherme Garcês
Keywords: Biologia molecular
Diagnóstico pré-natal
Líquido amniótico
Defense Date: 2013
Publisher: Universidade de Aveiro
Abstract: O diagnóstico prénatal (DPN) tem demonstrado ser cada vez mais importante na deteção precoce de um vasto número de anomalias no feto. A grande maioria das anomalias cromossómicas detetadas em DPN devem-se a alterações numéricas dos cromossomas 13, 18, 21, X e Y. Para a pesquisa rápida das aneuploidias mais comuns, são utilizadas técnicas como a MLPA e a QF-PCR que permitem o diagnóstico rápido mas direcionado, possibilitando uma intervenção clínica mais atempada, reduzindo a ansiedade dos progenitores. Com este estudo pretendeu-se delinear a estratégia mais adequada a um laboratório de diagnóstico prénatal, com o objetivo de aplicar uma técnica rápida na deteção das aneuploidias mais comuns nos diferentes tipos de amostras rececionadas no laboratório (GDPN), com ênfase em amostras com risco elevado de contaminação materna. Para tal, foi estudada uma série de amostras de LA e BVC, e comparada a rapidez de resposta do resultado, a fidedignidade da mesma bem como os recursos técnicos e económicos despendidos. Este estudo partiu de 713 amostras prénatais das quais 530 eram referentes a LA e 183 a BVC, para as quais havia sido pedido a pesquisa rápida de aneuploidias. Dos 530 LA analisados, apenas 39 amostras, todas hemáticas, constituíram o universo do presente trabalho, juntamente com 183 BVC. Para este estudo, foi seguida a metodologia usada por rotina no nosso laboratório (GDPN), que consistia em iniciar o estudo da pesquisa rápida das aneuploidias mais comuns, independente do aspeto visual da amostra, pela técnica de MLPA, verificando-se que, das 713 amostras recebidas no período em estudo, em 104 amostras (LA hemáticos e BVC) (14,6%) foi necessário recorrer a uma segunda técnica (QF-PCR) de forma a validar o resultado (presença ou ausência de contaminação materna). A aplicação da QF-PCR revelou ser uma opção mais simples e economicamente mais viável, já que numa única reação, permite a deteção das aneuploidias mais comuns, deteção/exclusão de contaminação materna em qualquer amostra e, também, deteção/exclusão de triploidia nos resultados normais femininos de amostras de LA e BVC.
The prenatal diagnosis (DPN) has been important in the early detection on a large number of anomalies in the fetus. The majority of chromosomal abnormalities are detected in DPN to numerical abnormalities of chromosomes 13, 18, 21, X and Y. For a quick search of the most common aneuploidies, techniques such as MLPA and QF-PCR allow rapid diagnosis but directed, enabling a more timely clinical intervention, reducing the anxiety of the parents. With this study we delineate the most appropriate strategy to a laboratory for prenatal diagnosis, with the order to apply a rapid technique for the detection of the most common aneuploidies in different types of samples in the laboratory (GDPN), with emphasis on samples with high risk maternal contamination. To this end, we studied a series of samples AF and CVS, and compared the speed of the result, the reliability as well as the technical and economic resources spent. This study was based on 713 prenatal samples of which 530 were related to AF and 183 CVS, for which the rapid screening of aneuploidies was requested. Of the 530 analyzed AF, only 39 samples, all hematic, constituted the domain of this study, along with 183 CVS. For this study, the methodology was used routinely in our laboratory (GDPN), which consisted of starting the study on a rapid search of the most common aneuploidies, regardless of the visual appearance of the sample, by the MLPA, verifying that the 713 samples received during the study period, in 104 samples (AF hematic and CVS) (14.6%) was necessary to use a second technique (QF-PCR) in order to validate the results (presence or absence of maternal contamination).The application of QF-PCR has proved to be simpler and more economically viable option, since a single reaction, permits the detection of the most common aneuploidy detection/exclusion of maternal contamination of any sample and also, detection/exclusion of triploidy in female normal results of samples AF and CVS.
Description: Mestrado em Biologia Aplicada
URI: http://hdl.handle.net/10773/12630
Appears in Collections:DBio - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese.pdftese4.09 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterLinkedIn
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.