Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10773/11944
Title: Round the kitchen table: the poetic work of Joy Harjo
Other Titles: À mesa da cozinha: o trabalho poético de Joy Harjo
Author: Guedes, Maria Helena de Sousa
Advisor: Callahan, David
Keywords: Literatura - Teses de mestrado
Ameríndios - Literatura
Tradição oral - Estados Unidos da América
Defense Date: 2013
Publisher: Universidade de Aveiro
Abstract: This dissertation aims to explore the human and cultural heritage of North American Indigenous communities, through the example of the poetry of Joy Harjo, in order to increase understanding and respect for the diversity of life supported by the sharing Mother, the Earth. In the attempt to ponder a pluri-dimensional viewing of the world, an approach will be developed in the context of American Indian cultural expression, particularly the contemporary poetry of Joy Harjo, of Muskogee-Creek descent, who suggests a dialectics of spirituality to help human beings in the search for responses to issues and dilemmas both of American Indians and the global multicultural human community. In this process, she focuses on the dynamics of interrelationships combined with personal and collective activism. By sharing ideas and attitudes as well, everyone can learn how to cultivate and educate an awareness of responsibility towards dignifying and valuing diversity. To sum up, in accordance with the crucial role of literature in the evolution of human interrelationships with less social tension and fewer conflicts, by cultivating the dialectics of spirituality articulated by Harjo, human beings can share life in harmony and justice at the same time as we maintain a balanced coexistence with other elements and beings. This dissertation is composed of an introduction and theoretical contextualization of the theme in Part I, an interpretative study of Joy Harjo’s poetry in Part II, and the conclusion in Part III.
O presente trabalho propõe-se aprofundar o conhecimento do património humano e cultural das comunidades Indígenas Norte-Americanas, por intermédio do exemplo da poesia de Joy Harjo, para melhor compreender e respeitar a diversidade da vida gerada pela Mãe em comum, a Terra. Ao procurar refletir sobre uma visão pluridimensional do mundo, será desenvolvida uma abordagem no contexto de expressão cultural Índia Americana, ou Ameríndia, particularmente a poesia contemporânea de Joy Harjo. A poetisa de ascendência Muskogee-Creek sugere que, pela dialética de espiritualidade, os seres humanos encontrem caminhos para resolver questões e dilemas das comunidades Índias Americanas e da comunidade humana multicultural global. Seguindo este processo, vai dar relevância à dinâmica das interrelações que inclui intervenção pessoal e coletiva. Na partilha de ideias e, também, de atitudes, as pessoas podem conhecer como cultivar e educar uma consciência de responsabilidade pela dignificação e valorização da diversidade. Finalmente, concordando que a literatura tem um papel crucial no desenvolvimento de interrelações humanas com menos tensão e menos conflitos sociais, pondo em prática a cultura dialética de espiritualidade exposta por Joy Harjo, a humanidade pode viver em comum com harmonia e justiça, em equilíbrio com todos os outros elementos e seres vivos que existem à nossa volta. Esta dissertação é composta por uma contextualização teórica do tema e introdução, a Parte I, um estudo interpretativo da poesia de Joy Harjo, a Parte II, e pela conclusão, a Parte III.
Description: Mestrado em Línguas, Literaturas e Culturas
URI: http://hdl.handle.net/10773/11944
Appears in Collections:UA - Dissertações de mestrado
DLC - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese.pdfTese1.23 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterLinkedIn
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.