Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10773/10145
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorSantos, Arnaldo Manuel Pinto dospt
dc.contributor.advisorRamos, Fernandopt
dc.contributor.authorPinho, Ana Margarida Coutinho Gomes dept
dc.date.accessioned2013-04-05T14:52:42Z-
dc.date.available2013-04-05T14:52:42Z-
dc.date.issued2012-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10773/10145-
dc.descriptionMestrado em Comunicação Multimédiapt
dc.description.abstractEste trabalho integra-se no projeto StoryLearn, uma parceria da Universidade de Aveiro com a PT Inovação Aveiro, e tem como objetivo compreender como se pode tirar partido do potencial do Digital Storytelling no desenvolvimento das aprendizagens em contexto de formação profissional corporativa. O Digital Storytelling (DST) é uma combinação da arte de contar histórias com as novas tecnologias. Alia as narrativas a elementos multimédia, como áudio e vídeo, na criação de histórias digitais com os mais variados propósitos. Estudos desenvolvidos revelam que a sua utilização como ferramenta de ensino tem vindo a crescer e a mostrar resultados muito positivos. Neste trabalho, pretende-se compreender quais as tecnologias e processos mais adequados à construção de Learning Objects utilizando esta metodologia. Para tal, procedeu-se a uma análise aprofundada da literatura de suporte da área, focando, para além do Digital Storytelling, o eLearning e o mLearning. Foram seguidamente desenvolvidas duas experiências práticas. A primeira teve como objetivo a formação, sendo a temática de base o IPv6, um tema muito explorado atualmente, na formação na área de redes e sistemas. A segunda experiência teve como objetivo a informação, tendo explorado um produto, mais especificamente, o ALTAIA da PT Inovação Aveiro. Estas duas experiências são pormenorizadamente descritas e analisadas neste trabalho, sendo apresentadas as opções tomadas e respetiva justificação. Conclui-se que quanto mais simples o processo de desenvolvimento de Learning Objects, mais facilmente este pode ser utilizado por qualquer pessoa e em qualquer contexto, desde que sejam respeitadas algumas regras básicas imprescindíveis para o seu bom funcionamento. Como resultado das experiências realizadas, surgiu um processo intitulado StoryLearn, de utilização simples e que foi moldado de maneira a poder ser facilmente utilizado por todos. Assim permite rentabilizar ao máximo todo o tipo de recursos: temporais, humanos e/ou monetários. Este trabalho explica a implementação deste processo, salientando as suas vantagens na produção de Learning Objects em contexto de formação profissional corporativa.pt
dc.description.abstractThis study is part of the StoryLearn project, a partnership between the University of Aveiro and PT Inovação Aveiro, and aims to understand how the potential of Digital Storytelling can be used in the development of learning in corporative training context. Digital Storytelling (DST) is the art of storytelling combined with the new technologies. It combines narratives with multimedia elements, like audio and video, in the creation of digital stories for very distinct purposes. Studies show that its use as a teaching tool has been growing and showing very positive results. In this work, we intend to comprehend which technologies and processes are most suitable for the construction of Learning Objects using this methodology. For this to happen, a thorough examination of the literature supporting the area was taken place, focusing, besides Digital Storytelling, on eLearning and mLearning. Two practical experiments were developed afterwards. The objective of the first experiment was targeted at the training, with IPv6 as the base theme, which is very explored nowadays in the training area of network and systems. The second experiment was focused on the information feature where a product, ALTAIA of PT Inovação Aveiro to be precise, was explored. These two experiments are thoroughly described and analyzed in this study, being presented the choices made and respective justification. We conclude that the simpler the process of developing Learning Objects, the easier it is for anyone, in any context, to use them, provided that some essential basic rules are enforced for its proper functioning. As a result of the experiments conducted, a process simple to use and modelled to be user friendly, emerged and was caled StoryLearn. Like so, it allows to make the most of all types of resources: temporal, human and/or monetary. This study explains the development of this process, highlighting its advantages in the production of Learning Objects in corporative training context.pt
dc.language.isoporpt
dc.publisherUniversidade de Aveiropt
dc.rightsopenAccesspor
dc.subjectComunicação multimédiapt
dc.subjectFormação profissionalpt
dc.subjectDesenvolvimento profissionalpt
dc.subjectE-learningpt
dc.subjectEnsino multimédiapt
dc.subjectMultimédia interactivapt
dc.subjectNarração de históriaspt
dc.titleRegresso às histórias: tecnologias e processos de Digital Storytelling na formação profissional em contexto de aprendizagem corporativapt
dc.typemasterThesispt
thesis.degree.levelmestradopt
thesis.degree.grantorUniversidade de Aveiropt
Appears in Collections:DeCA - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_ana pinho.pdf4.03 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterLinkedIn
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.