Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10773/10046
Title: Improvisación, una herramienta metodológica en la enseñanza del saxofón
Other Titles: Improvisação, uma ferramenta metodológica no ensino do saxofone
Author: Castro Castro, Agustín
Advisor: Pestana, Maria do Rosário Correia Pereira
Keywords: Educação musical$xTeses de mestrado
Improvisação (Música)
Saxofone
Defense Date: 2012
Publisher: Universidade de Aveiro
Abstract: Esta investigação propõe uma reflexão em torno da improvisação no contexto do ensino do saxofone, nas escolas oficiais da cidade do Porto, partindo de duas vertentes complementarias: uma diacrónica e outra sincrónica. A primeira, resulta de realizar uma consulta bibliográfica em torno da historia do saxofone, e da improvisação, além da consulta de arquivo no Conservatório de Música do Porto e da Escola de Jazz do Porto, e de publicações periódicas da cidade. Estes dados revelaram que os saxofonistas encontraram um mercado de trabalho que, mais além da sua formação erudita, requere outras competências, tais como o saber improvisar. Se constata que as fronteiras existente entre os domínios erudito e a improvisação são mais teóricas do que práticas. Esta constatação surgiu também da vertente sincrónica de indagação de este projeto. Para esta línea de consulta foram contatados saxofonistas em atividade nas cidades de Aveiro, Porto e Espinho, os quais revelaram que os programas académicos, centram a sua atenção principalmente em desenvolver competências técnicas e de leitura, e os quais exercem uma grande pressão tanto nos alunos como nos professores, para cumprir um rigoroso plano de provas e exames, e na que não deixa espaço para a inclusão de metodologias alternativas. De cara a este problema, foi desenvolvida uma consulta a través da realização de um workshop, que consistiu em criar um momento de interação entre o ensino da música erudita e da improvisação a través de elementos como tocar e imitar, pensamento harmónico, o analise melódico a nível de escala e as suas diferentes possibilidades. Ao mesmo tempo, esta investigação pretende analisar o entorno português e especialmente o norte de Portugal a nível do saxofone erudito e jazz, para tentar entender de uma maneira global, os diferentes âmbitos tanto em processos de aprendizagem, como em enfoques de performance formal e espontânea no que o saxofone tem sido utilizado ao longo da sua historia.
This research proposes a reflection about the role that improvisation plays in the teaching of Saxophone in public schools in Porto dedicated to the learning of music. It is divided into through two complementary approaches: diachronic and synchronic. The first consists of a bibliographical research about the history of saxophone and the history of improvisation, as well as an archival investigation of the Conservatory of Music of Porto and the School of Jazz of Porto, and of local newspapers and other periodical publications. The collection of data so far proves that the Saxophonists face a labour market that requires skills such improvisation, which surpass a classical educational. It proves that the border between the classical and the improvisation is more theoretical than practical. This conclusion was drawn from the synchronic research approach to the project. For that, I have contacted acting saxophones from the cities of Aveiro, Porto and Espinho who demonstrated that the academic programs focus mostly on developing technical and reading competences. This focus exerts a large pressure both on the students and the professors who must follow a strict plan of exams where there is not room to include alternative methodologies. Confronted with this issue, I have developed an inquiry through a workshop that aimed at creating a moment of interaction between the teaching of classical music and the improvisation through exercises such as playing and mimicking, harmonic thinking, melodic analysis, scale levels and the possibilities that it entails. At the same time, this research aims to observe the Portuguese context of classical and jazz saxophone, especially in the north region of the country, as to try and discover, in a general way, how the saxophone has been used throughout history in both learning processes and in formal and spontaneous approaches to performance.
Description: Mestrado em Música
URI: http://hdl.handle.net/10773/10046
Appears in Collections:DECA - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
6960.pdf4.14 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.