DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Educação > DE - Dissertações de mestrado >
 Jovens com necessidades educativas especiais e sua transição para a vida adulta
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/8956

title: Jovens com necessidades educativas especiais e sua transição para a vida adulta
authors: Cardoso, Valentina Esteves da Silva Madaleno
advisors: Madeira, Rosa Lúcia de Almeida Leite Castro
keywords: Psicologia do desenvolvimento
Necessidades educativas especiais
Educação especial
Integração social
issue date: 2006
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: A elaboração deste estudo teve como principal objectivo contribuir para a compreensão do papel da Escola no processo de transição para a vida adulta de jovens com necessidades educativas especiais. Para tal recorreu-se a análise das representações sociais de Directores de Turma e dos Encarregados da Educação, enquanto participantes no processo de decisão de encaminhamento e de avaliação deste processo, realizado no âmbito da Transição para a Vida Adulta. Por se tratar de um estudo exploratório, optámos por realizar entrevistas a doze sujeitos implicados no encaminhamento e acompanhamento de seis jovens em processo de transição para a vida adulta de uma escola de Aveiro, cujos casos foram caracterizados como contexto de referência. Com a análise de conteúdo das entrevistas pretendeu-se compreender como as representações sociais destes dois grupos, participam na naturalização da transferência da responsabilidade da transição e da inclusão social destes jovens, que está formalmente atribuída à Escola, para processos exteriores à escola. Esta transferência é justificada por dificuldades inerentes à organização e flexibilização do currículo escolar, que atendesse à diversidade dos alunos. A abordagem deste problema foi preparada por uma breve revisão histórica das percepções sociais relativas às pessoas com deficiência e das respectivas implicações no reconhecimento do direito à educação. Foi também revista a legislação que impõe restrições a práticas discriminatórias e propõe a escola inclusiva. Esta implementação tem vindo a ser acompanhada, a ritmos diferentes, pela revisão de conceitos científicos e pela alteração das representações sociais dos actores implicados neste processo de mudança. Mudança que a concretizar-se deveria ter assegurado a corresponsabilização de diversos agentes sociais da Escola e da Comunidade, na criação de condições de compatibilização e enriquecimento do currículo com experiências reais do mundo social e do trabalho.

This study aims essentially to contribute for the comprehension of school participation in the process of transition to adulthood life in youngsters with special needs. For that, the social representation of teachers in charge of the class and parents, were analysed, because they are participants in the decision of choosing and evaluating this process, accomplished in terms of Transition to Adulthood Life. This is an exploratory study, and for that we chose to perform interviews to twelve intervenients in the process of supporting six youngsters transiting to adulthood life, from a school in Aveiro. All this cases were characterized in order to obtain referral situations. Analysing the content of the interviews, we aimed to comprehend how the social representations of this two groups, contribute for the transference of responsibility towards transition and inclusion of this youngsters, to processes that include others participants besides school, witch has been the main intervenient. This transference is justified with the difficulties in the organization and flexibility of the school curriculums, in a way that it can attend to de diversity of all students. This study was approached with a brief historical review of social perceptions of people with handicap and the implications of acknowledging there right to education. It was also reviewed the legislation that imposes restrictions to discriminatory attitudes and proposes and inclusive school. At the same time that the inclusive school is being implemented, scientific concepts are reviewed and social representations of all the participants in this changing process are transformed. By accomplishing this change, it’s important to assure that all the social agents in school and in community accept their responsibility in the creation of a curriculum enriched and compatible with social and working experiences.
description: Mestrado em Activação do Desenvolvimento Psicológico
URI: http://hdl.handle.net/10773/8956
appears in collectionsDE - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

files in this item

file description sizeformat
2007000081.pdf812.33 kBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2