DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Ciências Sociais, Políticas e do Território > CSPT - Dissertações de mestrado >
 Governação e direitos humanos em Angola: a perspetiva das ONG
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/8825

title: Governação e direitos humanos em Angola: a perspetiva das ONG
authors: Neto, Pedro André Santos
advisors: Proença, Carlos Eduardo Machado Sangreman
keywords: Gestão pública
Política governamental
Relações estado-sociedade: África
Organizações não-governamentais
Igreja Católica: Aspectos sociais
Direitos humanos
issue date: 2012
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: O presente trabalho propõe-se a estudar a relação entre o governo angolano e as ONG católicas portuguesas presentes em Angola, no contexto do pós-guerra civil, na consolidação dos Direitos Humanos naquele país. Procura compreender a relação entre estas organizações e o governo angolano, quanto ao apoio de projetos de Direitos Humanos das ONG em estudo. Procura ainda perceber o compromisso do governo em relação à consolidação dos Direitos Humanos no país, desde o final da guerra civil até ao presente. Estudaram-se conceitos de Direitos Humanos, de Governação e de Doutrina Social da Igreja com vista a enquadrar o trabalho em rede de governação realizado pelas ONG e pelo governo angolano com o fim do cumprimento dos Direitos Humanos em Angola, em todas as dimensões dos mesmos. Foi realizado um trabalho de inquérito às ONG abrangidas pelo estudo, no sentido de compreender o seu trabalho, as suas motivações para o mesmo, e a sua percepção do compromisso do governo angolano em relação aos Direitos Humanos, no geral, e em relação às parcerias de apoio estabelecidas com as organizações não governamentais, com vista ao cumprimento dos Direitos Humanos, em particular. A cooperação estreita entre os dois atores de governação estudados é ainda um processo de caminho longo a implementar na democratização e no desenvolvimento da República Popular de Angola.

This present dissertation intends to study the work of the Portuguese Catholic NGO that act in Angola, in the consolidation of human rights among the people, since the end of Civil War. It seeks to understand the relationship between these organizations and the government of Angola through the support of projects of these NGO on the Human Rights field. It also seeks to understand the government's commitment regarding the consolidation of human rights in the country since the end of the Civil War. The concepts of Human Rights, Governance and the Catholic Church Social Doctrine was studied in order to frame the work done by NGOs and the Angolan government for the fulfillment of human rights in the country, in all its dimensions. A survey to the NGO work was carried out to covered by this study, in order to understand their work, their motivations for it, and the commitment of the Angolan government in relation to human rights in general, and in relation to partnerships established to support non-governmental organizations in order to accomplish those human rights in particular. A close cooperation between both governance actors still has a long way on implementing democracy and development of the Popular Republic of Angola.
description: Mestrado em Administração e Gestão Pública
URI: http://hdl.handle.net/10773/8825
appears in collectionsCSPT - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

files in this item

file description sizeformat
TESE_pneto.pdf7.43 MBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2