DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Biologia > BIO - Dissertações de mestrado >
 Distribuição e estatuto do veado e corço em Portugal
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/854

title: Distribuição e estatuto do veado e corço em Portugal
authors: Salazar, Daniela Cardão
advisors: Fonseca, Carlos Manuel Martins Santos
keywords: Gestão de ecossistemas
Veados
issue date: 2009
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: Nesta tese de mestrado, a distribuição e estatuto do veado (Cervus elaphus, L.) e corço (Capreolus capreolus, L.) são revistos para Portugal no último século. Durante os séculos XIX e XX a sobre-exploração cinegética, a conversão de áreas em campos cultivados e pastagens e as Revoluções Sociais e Políticas que aconteceram em Portugal, tiveram consequências graves que se reflectiram no estado das populações de veado e corço, que declinaram o seu número e área de distribuição e chegaram mesmo, em algumas áreas, à extinção local. O abandono da agricultura, a emigração e as reintroduções que ocorreram após os anos 60, conduziram ao restabelecimento do habitat natural das espécies, permitindo um crescimento das populações de cervídeos selvagens existentes em Portugal que se dispersaram e proliferaram pelo país. Será demonstrado através de dados préexistentes, um aumento significativo da área de distribuição das populações de veado e corço no nosso país, desde o início do século XX até aos dias de hoje. Como consequência desta expansão adivinha-se a necessidade de um esforço crescente para a gestão destas espécies e manutenção dos seus habitats, de forma a ser possível promover e executar usos múltiplos dos espaços florestais e agrícolas mais compatíveis com as espécies selvagens existentes. ABSTRACT: In this master's thesis, the distribution and status of the red deer (Cervus elaphus, L.) and roe deer (Capreolus capreolus, L.) are reviewed for Portugal in the last century. During the XIX and XX centuries, the game over exploration, the areas conversion in cultivated fields and pastures and the Social and Political Revolutions that happened in Portugal had serious consequences in the red deer and roe deer populations health, reducing their number and distribution area and they did arrive, in some areas, to the local extinction. The agriculture abandon, the emigration and the reintroductions that happened after the sixties, they led to the re-establishment of the species natural habitat, allowing the growth of the existent wild cervid populations in Portugal that dispersed and proliferated through the country. It will be demonstrated through pre-existent data, a significant increase of the red deer and roe deer populations distribution area in our country, since the beginning of the XX century until nowadays. Foreseeing as consequence, the need of a growing effort for these species management and maintenance of their habitats, so that it is possible to do forest and agriculture areas multiple uses most compatible with the existent wild species.
description: Mestrado em Ecologia, Biodiversidade e Gestão de Ecossistemas
URI: http://hdl.handle.net/10773/854
appears in collectionsBIO - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

files in this item

file description sizeformat
2009001236.pdf4.35 MBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2