DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Química > DQ - Dissertações de mestrado >
 Microbiota resistance in Solea spp. in the public health context
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/8154

title: Microbiota resistance in Solea spp. in the public health context
other titles: Resistências no microbiota da Solea spp. no contexto da saúde pública
authors: Lopes, Nuno Miguel Mezia
advisors: Ferreira, Sónia
Morgado, Fernando
keywords: Microbiologia
Biotecnologia
Aquacultura
Resistência a antibióticos
issue date: 2011
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: Great concerns are developing worldwide over the emerging threat of infectious diseases caused by antibiotic-resistant strains of bacteria, especially for the rise of nosocomial infections in healthcare units, placing a major peril over public health systems. There are evidences of resistance genes being transferred from marine life to humans by several mechanisms such as Horizontal Gene Transfer (HGT), with potential reservoirs and vectors still to be determined. The effects caused by antibiotics and other antimicrobial compounds misusage on the gastrointestinal tract (GIT) microbiota of species with some degree of contact with human materials or wastes that could present themselves as vectors for a variety of resistant strains of bacteria still remain unknown. The main goal of this study was to determine the existence of antibiotic-resistant strains of bacteria in the Solea spp. in the public health context. Kirby-Bauer inhibition tests were performed in animals of two aquaculture industries and two fishing harbors located north and south of the Douro river. Results revealed a high resistance for penicillin in all sampling locations. Resistance to amoxicillin with clavulanic acid was obtained in sites A, B and C with few results of intermediate level. In location D the sensibility for this compound was total. The level of inhibition was intermediate for trimethoprim-sulfamethoxazole (SXT) and ciprofloxacin in site A. Sites B and D revealed sensitivity to both and location C presented resistance to SXT and intermediate resistance to ciprofloxacin. It was considered that antibiotics misusage was the most probable cause for inducing resistance in the GIT microbiota of the Solea spp and the potential for transfer of the genetic determinants of resistance to the human setting is high.

A ameaça emergente de doenças infecciosas originadas por estirpes de bactérias multi-resistentes está a causar grandes preocupações a nível mundial, especialmente devido ao aumento de infecções nosocomiais em unidades de saúde, colocando um grande perigo para os sistemas de saúde pública. Existem já evidências directas da transferência de genes de resistência de organismos marinhos para o ser humano através de vários mecanismos, tais como a Transferência Horizontal de Genes, com potenciais reservatórios e vectores ainda por determinar. Os efeitos da má utilização de antibióticos e outros compostos antimicrobianos no microbiota do tracto gastrointestinal (GIT) de espécies com algum grau de contacto com materiais e detritos humanos e que poderão constituir-se como vectores para uma variedade de estirpes de bacterias multi-resistentes, ainda permanecem desconhecidos. O presente estudo teve como objectivo principal determinar a existência de estirpes bacterianas resistentes a antibióticos em Solea spp. No contexto da saúde pública. Foram realizados testes de inibição de Kirby-Bauer em animais de duas aquaculturas e dois portos de pesca localizados a norte e a sul do rio Douro. Os resultados revelaram resistência para a penicilina em todos os locais de amostragem. Resistência à amoxicilina com ácido clavulânico foi verificada nos locais A, B, e no C com alguns resultados de nível intermédio. No local D a sensibilidade a este composto foi total. O nível de inibição foi intermédio para o trimetoprim-sulfametoxazol (SXT) e para a ciprofloxacina no local A. O local B e D revelaram sensibilidade para ambos e o C apresentou resistência ao SXT e inibição intermédia pela ciprofloxacina. Considera-se, assim, que o mau uso de antibióticos foi a causa mais provável da indução de resistências no microbiota do GIT da Solea spp. e que o potencial para ocorrer transferência de genes de resistência ao contexto humano é elevado.
description: Mestrado em Biotecnologia Molecular
URI: http://hdl.handle.net/10773/8154
appears in collectionsDQ - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado
PT Mar - Dissertações de mestrado

files in this item

file description sizeformat
246719.pdf358.27 kBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2