DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Economia, Gestão e Engenharia Industrial > DEGEI - Dissertações de mestrado >
 Decisões da estrutura de capital: empresas portuguesas em Angola
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/7920

title: Decisões da estrutura de capital: empresas portuguesas em Angola
authors: Sousa, Ana Rita de Castro
advisors: Moreira, António Carrizo
Mota, Jorge Humberto Fernandes
keywords: Gestão financeira
Gestão de empresas: Portugal
Mercados financeiros
Investimento estrangeiro
issue date: 2011
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: Objectivo: o presente estudo consiste na observação dos factores determinantes da estrutura de capital das empresas que detêm investimento directo em Angola. Metodologia: dados em painel, pois a amostra é bastante reduzida e os dados são não equilibrados. Resultados: Crescimento das Vendas provoca um crescimento de 2.89 valores monetários do Debt to Equity Ratio; a Liquidez fomenta um aumento de 2.76 unidades monetários no Debt to Equity Ratio; a Rentabilidade das Vendas estimula um aumento de 8.27 valores monetários do Debt to Equity Ratio; a Rentabilidade das Vendas provoca uma diminuição de 67.40 valores monetários no Debt to Equity Ratio; o valor unitário do preço das acções fomenta um aumento de 5.99 unidades monetárias no Debt to Equity Ratio; a Estrutura de Activos provoca um aumento de 0.55 unidades monetárias no Endividamento; os Activos Intangíveis estimulam um aumento de 0.00000000056 unidades monetárias no endividamento; a Rentabilidade do Capital Próprio fomenta um aumento de 0.0087 unidades monetárias no Endividamento; a Poupança não Fiscal Associada ao Endividamento provoca uma diminuição de 0.0044 unidades monetárias no Endividamento; a Tangibilidade fomenta uma diminuição 0.53 valores monetários no Endividamento. Conclusões: Neste estudo foi testado quais os factores que influenciavam a escolha da estrutura de capitais nas empresas com investimento em Angola e dos resultados obtidos, é de salientar que neste estudo os factores que influenciam o Debt to Equity Ratio diferem dos factores que influenciam o Endividamento, menos a Rentabilidade do Capital Próprio que influencia ambas as variáveis. Relativamente ao factor Crescimento das Vendas verifica-se que este obteve um impacto positivo no Debt to Equity Ratio. A Estrutura de Activos tem um impacto positivo no Endividamento, no entanto a Liquidez obteve um impacto positivo sobre o Debt to Equity Ratio. O factor Activos Intangíveis obteve um impacto positivo sobre o Endividamento. Relativamente ao factor Rentabilidade, este foi dividido em Rentabilidade das Vendas e Rentabilidade do Capital Próprio, por isso os resultado obtidos variam pela forma como estas foram definidas. Contudo, neste estudo a Rentabilidade das vendas detém um impacto positivo no Debt to Equity Ratio, mas a Rentabilidade do Capital Próprio detém um impacto negativo no Debt to Equity Ratio e um impacto positivo no Endividamento.

Objective: This study is to understand the determinants of capital structure of companies that have direct investment in Angola. Results: Sales growth causes a growth of 2.89 monetary values of the Debt to Equity Ratio; the Liquidity promotes an increase of 2.76 monetary values of the Debt to Equity Ratio; the Profitability of Sales stimulates an increase of 8.27 monetary values of the Debt to Equity Ratio; the Profitability of Sales cause a decrease of 67.40 monetary values in Debt to Equity Ratio; the unit value of the share price encourages an increase of 5.99 currencies in Debt to Equity Ratio; the Structure of Assets causes an increase of 0.55 currencies in Indebtedness; the Intangible Assets stimulates an increase of 0.00000000056 currencies in Indebtedness; the Return on Equity promotes an growth of 0.0087 currencies of Indebtedness; the Tax Savings Associated with the Debt causes a decrease of 0.0044 units in Indebtedness; the Tangibility promotes a decreases 0.53 monetary values in Indebtedness. Conclusions: In this study was tested what factors influenced the choice of capital structure in companies with investment in Angola and of the results obtained, it should be noted that in this study the factors influencing the Debt to Equity Ratio differ from the factors that influence the Indebtedness, less Return on Equity that influences both variables. With regard to the sales growth factor there is that this has a positive impact on the Debt to Equity Ratio. For the Sales Growth factor verifies that this has obtained a positive impact on Debt to Equity Ratio. The Structure of Assets has a positive impact on Indebtedness; however the Liquidity obtained a positive impact on the Debt to Equity Ratio. The Intangible Assets factor obtained a positive impact on Indebtedness. About the Profitability factor, this was divided into Profitability of Sales and Return on Equity, so the result obtained vary by how these have been defined. However, in this study the Profitability of Sales has a positive impact on Debt to Equity Ratio, but the Return on Equity contains a negative impact on the Debt to Equity Ratio and a positive impact on the Indebtedness.
description: Mestrado em Gestão
URI: http://hdl.handle.net/10773/7920
appears in collectionsDEGEI - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

files in this item

file description sizeformat
Decisões da estrutura de Capital_Empresas em Angola_Rita Sousa.pdf1.19 MBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2