DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Química > DQ - Dissertações de mestrado >
 Efeito do pré-tratamento hiperbárico da madeira para o cozimento kraft
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/7515

title: Efeito do pré-tratamento hiperbárico da madeira para o cozimento kraft
authors: Ribeiro, Carla Isabel Silva
advisors: Evtyugin, Dmitry Victorovitch
Saraiva, Jorge Manuel Alexandre
keywords: Engenharia química
Pasta de papel kraft - Cozedura
Branqueamento
Cozedura - Alta pressão
Eucalyptus globulus
issue date: 2011
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: O objectivo deste trabalho foi verificar o efeito do pré-tratamento da madeira por alta pressão para o cozimento kraft. Foi também estudado o efeito desse mesmo prétratamento no branqueamento e nas propriedades físico-mecânicas das pastas celulósicas. Para se atingir este objectivo sujeitou-se aparas de Eucalyptus globulus a um prétratamento hiperbárico de 400MPa durante 30minutos, procedendo-se à secagem ao ar livre e ao cozimento kraft com diferentes tempos de cozimento. Foi realizado um estudo sequencial (cozimento, branqueamento e propriedades físico-mecânicas) para um tempo de cozimento de 210min nas condições pré-definidas, ou seja alcali activo, A.A., de 15,2%, índice de sulfureto, I.S., de 30,8% e hidromódulo de 4L/kg. O pré-tratamento hiperbárico melhorou a aptidão para o cozimento kraft. Os resultados demonstraram que a pasta obtida apresentava um rendimento inferior à pasta padrão, mas conseguia-se retirar uma maior quantidade de lenhina durante o cozimento kraft. Isso foi demonstrado pelo valor do índice kappa, IK, sendo o IK de 17,9 para o cozimento padrão e de 16,9 para o cozimento A.P. com pré-tratamento hiperbárico pois durante o cozimento a difusão dos reagentes é mais fácil bem como a difusão dos produtos de degradação. Os valores da viscosidade foram praticamente iguais nos dois tipos de amostra, padrão e pré-tratada por alta pressão. Quando a pasta foi sujeita ao primeiro estágio do branqueamento, o IK reduziu-se em ambas as pastas, IK de 12,3 para a pasta padrão e 11,6 para a pasta A.P. Quanto à viscosidade, esta diminuiu com o branqueamento em ambas as pastas, existindo assim uma degradação parcial da pasta. Quanto aos valores de OXE, equivalentes de oxidação, estes mantiveram-se praticamente iguais nas duas pastas, o que nos indica que o efeito da alta pressão não influenciou o branqueamento, pois não se reduziu a quantidade de reagentes de branqueamento, ficando a estrutura fibrilar inalterada. Em relação às propriedades físico-mecânicas, estas foram avaliadas sem refinação para os dois tipos de pasta. Verificou-se que a pasta obtida do cozimento sujeito a pré-tratamento hiperbárico apresentou melhorias em algumas propriedades mecânicas, nomeadamente o índice de rebentamento e a rigidez. Existiu uma diminuição do índice de mão, tornando as fibras mais moldáveis devido à quantidade de lenhina diminuir. Os valores não são conclusivos para se saber se a alta pressão afectou as propriedades físico-mecânicas da pasta.

The aim of the current work was to study the effect of high pressure wood pretreatment, previous to the kraft pulping. The influence of this pre-treatment, on the bleaching and physic-mechanical properties on the pulp, were also target of study. In order to accomplish these purposes, Eucalyptus globulus chips suffered a 400 MPa high pressure pre-treatment, during 40 minutes. After this procedure the wood chips were dried and suffered a kraft pulping process, with different time ranges of cooking. Considering the sample subjected to a 210 minutes pulping process, under predefined conditions, such as, 15,2% active alkali 30,8% sulfidity and a 4L/kg hydromodule a sequential study (kraft pulping, bleaching and physical and mechanical properties) was applied. The high pressure treatment improved the kraft cooking. The attained results for the pulping, with the wood high pressure pre-treatment, resulted in an inferior pulp yield, but with higher lignin removal, comparing with a standard sample. The improved lignin removal was proved by the kappa number. For the standard pulp, the achieved kappa number was 17,9 whereas for the pulp affected by the wood high pressure pretreatment, the kappa number was 16,9. This improvement on the kraft pulping made by means of the already referred pre-treatment, can be explained by the easier diffusion of the reactants and resulting byproducts, during the pulping process. The viscosity values attained for both pulping procedures, with and without pre-treatment, where the same. Concerning the first stage of bleaching, the kappa number decreased in both cases, with and without pre-treatment, the kappa number for the standard pulp was 12,3, while the pulp with the pre-treatment yielded a 11,6 kappa number. As regards viscosity, this one decreased in both pulps, with the bleaching process. A partial degradation of the pulp was verified. The OXE, oxidation equivalent, values were kept nearly alike in both cases, which means that the high pressure did not affected the bleaching, leaving the fiber structure unchanged. The physical and mechanical properties were analyzed without refining, in both cases. The pulp pre-treated with the high pressure procedure, presented some improvements in some of these properties, namely the burs and stiffness. The bulk decreased, hence rendering more malleable fiber, due to the lower amount of lignin in the pulp. The values from the physical and mechanical tests were not conclusive as regards the effect of high pressure on the pulp's physical and mechanical properties.
description: Mestrado em Engenharia Química
URI: http://hdl.handle.net/10773/7515
appears in collectionsDQ - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

files in this item

file description sizeformat
243318.pdf1.75 MBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2