DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Ciências Sociais, Políticas e do Território > CSPT - Dissertações de mestrado >
 Personalidade, liderança e poder
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/7384

title: Personalidade, liderança e poder
authors: Nunes, Alexandre Miguel Gonçalves
advisors: Jalali, Varqa Carlos
Rijo, Daniel Maria Bugalho
keywords: Psicologia individual
Liderança
Administração local - Portugal
Poder político
Comportamento político
issue date: 2012
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: Partindo do postulado defendido pelas correntes interaccionistas da liderança, que a conceptualizam como resultando da conjugação entre características pessoais do líder e factores associados ao contexto, a nossa investigação pretendeu analisar a relação entre traços de personalidade e estilos de liderança, medidos através do Questionário Factorial de Personalidade de Cattell (16PF-5) e da Escala de Liderança Least Preferred Co-worker (LPC), respectivamente desenvolvidos a partir da Teoria dos Traços de Allport e do Modelo Contingencial de Liderança de Fiedler, junto de uma amostra de autarcas da Região Centro do País. Para uma amostra de conveniência composta por 34 autarcas (presidentes e lideres de oposição), do PS e do PSD, obtiveram-se valores em cinco traços gerais da personalidade (extroversão, ansiedade, dureza, independência e autocontrolo) e três estilos de liderança (orientação para as tarefas, liderança mista e orientação para as relações interpessoais), que permitiram testar um conjunto de hipóteses que pretenderam estudar a relação entre traços de personalidade e estilos de liderança, na presença de variáveis sociodemográficas como o partido do autarca, o número de anos no poder ou o exercício de cargos executivos/não-executivos. Os estudos efectuados entre os diferentes subgrupos da amostra permitiram alcançar a significância estatística na análise entre estilo de liderança e partido político, revelando a tendência para os autarcas do PSD exibirem um estilo de liderança orientado para as tarefas, enquanto os autarcas do PS tenderam a pontuar no estilo de liderança orientado para as relações interpessoais. Foram igualmente obtidas diferenças estatisticamente significativas na comparação entre traços de personalidade e partido político, ao nível do traço Dureza, no qual os autarcas do PSD tenderam a pontuar mais que os do PS. Também ao nível da comparação entre traços de personalidade e cargo desempenhado, se identificaram diferenças estatisticamente significativas ao nível do traço Dureza, mais pontuado pelos presidentes do que pelos líderes da oposição. Obteve-se, por fim, significância estatística na comparação entre traços de personalidade e estilos de liderança, nomeadamente ao nível do traço Ansiedade, tendencialmente inferior nos líderes com pontuação intermédia na escala LPC.

The interactionist leadership’s approaches conceive it as resulting from the interplay between the leader's personal characteristics and factors associated with the context, Our research aims to examine the relationship between personality traits and leadership styles, as measured by the Questionnaire of Factorial Cattell's Personality (16PF-5) and the Leadership Scale Least Preferred Co-worker (LPC), along with a sample of local politicians from the Central Region of the country. For a convenience sample composed of 34 local politicians (mayors and opposition leaders), from the Socialist and the Social Democratic Parties, values were obtained in five general personality traits (extraversion, anxiety, toughness, independence and self-control) and three styles of leadership (orientation tasks, intermediate score and guidance for social relations), which allowed to test a set of hypotheses that have attempted to study the relationship between personality traits and leadership styles in the presence of sociodemographic variables as the party of leaders, the number of years in power or the exercise of executive/non-executive positions. Studies among different subgroups of the sample had achieved statistical significance in the analysis between leadership style and political party, showing the tendency for the mayors of the PSD exhibited a tasks’ oriented leadership’s style, while the mayors of the PS tended to score social oriented leadership’s style. Was also obtained statistically significant differences in the comparison between personality traits and political party, to the mark toughness, in which the PSD mayors tended to score more than the PS ones. At the level of comparison between personality traits and positions held, there were identified statistically significant differences to the mark toughness, punctuated by more presidents than by opposition leaders. We also have obtained statistical significance in comparison between personality traits and leadership styles, in which leaders with lower values of trait anxiety, tend to score in intermediate leadership’s style of LPC scale.
description: Mestrado em Ciência Política
URI: http://hdl.handle.net/10773/7384
appears in collectionsCSPT - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

files in this item

file description sizeformat
Tese.pdf1.99 MBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2