DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Biologia > BIO - Dissertações de mestrado >
 Os media na formação e informação ambientais dos cidadãos
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/711

title: Os media na formação e informação ambientais dos cidadãos
authors: Baptista, Ana Isabel Freitas
advisors: Morgado, Fernando Manuel Raposo
keywords: Educação ambiental
Educação ambiental
Meios de comunicação social
Gestão ambiental
Desenvolvimento sustentável
issue date: 2006
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: O presente trabalho envolveu uma reflexão teórica e uma componente prática sobre o papel dos mass media na divulgação da informação ambiental. As principais temáticas abordadas foram a consciencialização ambiental, a importância da educação ambiental, a educação para a cidadania e para o desenvolvimento sustentável, os mass media e o seu papel na divulgação da informação ambiental. Elege como problema saber se a diversidade e a qualidade do uso dos media como fonte de divulgação e formação ambientais estarão relacionadas com a estrutura social e demográfica associada à localização geográfica. Foi efectuada a comparação entre duas realidades distintas, sendo uma rural correspondente à freguesia de Tabuaço e outra urbana correspondente à freguesia da Glória. Na prossecução de uma resposta ao problema suscitado utilizou-se a técnica do questionário e das entrevistas semi-estruturadas. A análise dos resultados obtidos através daquela metodologia permitiu concluir que, tal como a tendência observada a partir da adesão à UE em 1986, a preocupação dos inquiridos com as questões relacionadas com o ambiente tem vindo a aumentar. Os temas que parecem preocupar mais os inquiridos em ambas as freguesias são os incêndios e a conservação e preservação da natureza. No entanto, constata-se que na freguesia da Glória, os inquiridos se preocupam também com a higiene e saúde pública e na freguesia de Tabuaço, com a poluição, o que parece estar relacionado com a dicotomia urbanidade/ruralidade. Os resultados evidenciaram as fragilidades verificadas na difusão de informação ambiental efectuada pelos media, e também o fraco envolvimento participativo nessas matérias, tornando evidente a reduzida consciencialização ambiental, quiçá derivada de uma ainda algo deficiente informação ambiental. Sem prejuízo, e de algum modo contraditoriamente, a generalidade dos inquiridos mostrou-se satisfeita com a informação ambiental provinda dos meios de comunicação social. O trabalho evidenciou a necessidade de incrementar a informação ambiental difundida através dos mass media eventualmente em articulação com instituições públicas do Estado. ABSTRACT: This work involved a theoretical reflection about and a practical analysis of the role of mass media in the broadcast of environmental information. Its main ideas were environmental awareness, the importance of environmental education, education for citizenship and sustainable development, and the mass media and their role in environmental information. It elects as central question whether the diversity and the quality of the mass media as sources of environmental information and education are related to the social and demographic structure associated with the geographical location. Two different realities were compared: a rural one, Tabuaço, and an urban one, Glória. In the pursuit of an answer for the aforementioned problem, the technique of the questionnaire and of the semi-structured interviews was used. The analysis of the results concluded that, following the trend observed since Portugal’s entry into the UE in 1986, the preoccupation of citizens with environmental questions has been increasing. The subjects in both places seem to be more concerned with forest fires and natural conservation and preservation. However, it is noticed that the subjects residing in Glória are also worried about hygiene and public health, whereas those from Tabuaço seemed more preoccupied with pollution, a conclusion which appears to be connected with the dichotomy urbanity/rurality. The results showed limitations in environmental information through the media, as well as the weak participative involvement by citizens in these matters, conclusions that show a reduced environmental awareness on the part of the interviewees, perhaps derived from somewhat defective environmental information. Notwithstanding, and rather contradictorily, the majority of the interviewees seemed satisfied with the environmental information from the mass media. This work demonstrated the necessity to develop environmental information through mass media, eventually in association with public institutions.
description: Mestrado em Ensino de Geologia e Biologia
URI: http://hdl.handle.net/10773/711
appears in collectionsBIO - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

files in this item

file description sizeformat
2007000095.pdf2.14 MBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2