DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Educação > DE - Comunicações >
 Um referencial de identidade e cidadania na crise da primeira globalização
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/6954

title: Um referencial de identidade e cidadania na crise da primeira globalização
authors: Meireles-Coelho, Carlos
Cruz, Alexandre Manuel da Silva e
keywords: António Vieira
Restauração da independência,
migrações–identidade–cidadania
issue date: 2008
publisher: SPCE
abstract: António Vieira (1608-1697), nascido há 400 anos, viveu, no século XVII, a crise de identidades e cidadanias decorrentes da primeira globalização, num país que se esvaíra no deslumbramento e ambição de metade do mundo, perdendo mesmo a independência política com a morte em serviço do rei fora de Portugal e da Europa. Foi esse mestiço de genes europeus e africanos que se tornou o profeta de uma identidade e cidadania a construir num futuro império onde todos teriam lugar e igual dignidade apesar das origens, culturas, religiões ou línguas. Esse humanista visionário, precursor dos direitos humanos, defensor da liberdade para todos mesmo para os escravizados, foi um pregador universal da construção da identidade do «ser» humano que é cada um nas suas diferenças étnicas, culturais ou linguísticas; foi um luso-afro-brasileiro que queria transformar pela educação de todos uma feira universal num quinto império para todos os seres humanos; foi um professor-educador precursor da cidadania multicultural e intercultural e que viveu como um cidadão do mundo, onde quer que estivesse, fosse na Europa ou na América, em Portugal ou no Brasil. Em plena segunda globalização, muitos problemas abordados por António Vieira merecem ser revistos e reflectidos, particularmente os referentes à identidade e cidadania, o que permitirá enriquecer a análise dos problemas de hoje com a comparação com as análises e propostas de solução elaboradas há quase quatro séculos atrás. Propõe-se aqui fazer-se uma contextualização e análise das consequências da crise da primeira globalização no século XVII, à volta do personagem António Vieira, dando relevo à questão da identidade em geral e à identidade do comunicador e do professor em particular («as ações são as que dão o ser») e à questão da cidadania («os grandes comem os pequenos»).
URI: http://hdl.handle.net/10773/6954
ISBN: 9789728614133
publisher version/DOI: web.letras.up.pt/7clbheporto/
source: VII Congresso Luso-Brasileiro de História da Educação: Cultura Escolar, Migrações e Cidadania
appears in collectionsDE - Comunicações

files in this item

file description sizeformat
2008_um referencial de identidade e cidadania.pdf2008.um.referencial.de.identidade.e.cidadania145.55 kBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2