DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Ambiente e Ordenamento > DAO - Dissertações de mestrado >
 Monitorização da qualidade da água em aproveitamentos hidroagrícolas
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/637

title: Monitorização da qualidade da água em aproveitamentos hidroagrícolas
authors: Matos, Ana Catarina Borges Barbosa de
advisors: Gonçalves, José Manuel Monteiro
keywords: Engenharia do ambiente
Irrigação agrícola
Contaminação da água
Controlo da qualidade da água
Água de rega
issue date: 2009
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: O presente trabalho identifica os principais impactes provocados pela agricultura de regadio, sobretudo nos recursos onde esta mais intervém (água e solo). Um uso excessivo da água, fertilizantes e pesticidas, uma inadequada mobilização dos solos, práticas de drenagem e irrigações incorrectas, induzem à perda quantitativa e qualitativa da água, do solo e da biodiversidade. Medidas preventivas devem de ser tomadas, como é o caso da monitorização da qualidade da água em aproveitamentos hidroagrícolas, sendo este um instrumento de grande importância na gestão ambiental. O caso de estudo apresentado neste trabalho é o do Aproveitamento Hidroagrícola do Baixo Mondego, cujo plano de monitorização da qualidade da água é elaborado desde de 2000 até aos dias de hoje. Este plano inclui análises às águas superficiais de rega (Canal Condutor Geral), de drenagem (quatro zonas agrícolas: Vale Central, Vale do Pranto, Vale do Foja e Vale do Arunca) e subsuperficiais do Vale Central. Os vários parâmetros de qualidade da água são analisados fazendo-se referência aos limites aceitáveis por lei. No caso da água superficial de rega é boa para o seu uso, quanto às águas de drenagem muitas vezes ultrapassam os valores estipulados por lei, o que se deve a possíveis contaminações fora da área de estudo. No caso mais problemático dos nitratos são registados valores elevados às entradas das áreas agrícolas, diminuindo ao longo do vale, registando-se valores inferiores à saída destes. À saída do vale do Foja e Pranto foi possível arranjar uma boa correlação (r2 perto de 1) para os valores de condutividade com outros parâmetros. Estes valores apresentam-se elevados, principalmente nos meses de Outubro onde ocorre as primeiras chuvas de Outono (após um período de estiagem), arrastando os sais existentes no solo. A difícil estimativa dos caudais, efectuada no plano de monitorização, é um entrave para determinar a carga de nutrientes que passam em cada secção. São propostos contributos para a melhoria do plano de monitorização, com o intuito de efectuar as observações que permitam depois realizar o balanço de nutrientes, de modo a avaliar os fluxos de nutrientes provenientes das áreas agrícolas. Uma das observações que se torna necessária é a medição do caudal em determinadas secções de linhas de água, assim como apresentar alternativas às despesas relativas às análises da qualidade da água suportadas pela ABOFHBM. Relativamente a esta última alternativa, a ABOFHBM poderá adquirir um medidor de bancada multi-parâmetros e um medidor portátil de pH, condutividade, sólidos suspensos totais e temperatura, com interesse a nível económico.

This work identifies the major impacts caused by irrigated agriculture, particularly in the resources where it intervene more (water and soil). An excessive use of water, fertilizers and pesticides, inadequate mobilization of the soil, drainage practices and improper irrigation, induce qualitative and quantitative loss of water, soil and biodiversity. Preventive measures must be taken, such as monitoring of water quality in irrigation projects, which is a very important tool in environmental management. The case study presented in this work is the “Aproveitamento Hidroagrícola do Baixo Mondego”, whose plan for monitoring the quality of water is drawn from 2000 until the present day. This plan includes analysis of surface water irrigation (Channel Driver General), drainage (four agricultural zones: Central Valley, the Valley of Pranto, Valley of Foja and Valley of Arunca). The various parameters of water quality are analyzed by making reference to the limits acceptable by law. In the case of surface water irrigation this is good for that use, for the drainage water often exceed the limits set by law, which is due to possible contamination outside the study area. In the most problematic case of nitrates are recorded high values to the inputs of agricultural land, decreasing over the valley, registering below the output of these. At the outside of valley of Foja and valley of Pranto was possible to get a good correlation (r2 close to 1) for the conductivity values with other parameters. These levels were high, especially during October which is the first rains of autumn (after a period of drought) dragging the salts in the soil. The rough estimate of the flow carried in the monitoring plan, makes it difficult to determine the load of nutrients that are in each section. Contributions are proposed to improve the monitoring plan in order to make the observations possible after take stock of nutrients in order to assess the flow of nutrients from agricultural lands. One point that is required is the measurement of flow in certain sections of water lines, and present alternatives to the cost of the analysis of water quality backed by ABOFHBM. For that alternative, ABOFHBM can purchase a meter multi-parameter bench and a portable pH meter, conductivity, total suspended solids and temperature, with an economic interest.
description: Mestrado em Engenharia do Ambiente
URI: http://hdl.handle.net/10773/637
appears in collectionsDAO - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

files in this item

file description sizeformat
2010000167.pdf3.78 MBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2