DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Ambiente e Ordenamento > DAO - Dissertações de mestrado >
 A percepção social dos riscos naturais: Portugal e Tuvalu
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/618

title: A percepção social dos riscos naturais: Portugal e Tuvalu
authors: Ribeiro, Rodrigo Rudge Ramos
advisors: Coelho, Celeste de Oliveira Alves
keywords: Alterações climáticas
Impacto social
Catástrofes naturais
Migração da população
Avaliação de riscos
issue date: 2008
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: O presente estudo trata do tema da percepção dos riscos naturais. Foi efectuado uma revisão bibliográfica sobre percepção dos riscos naturais, refugiados climáticos e alterações climáticas em Tuvalu. Posteriormente foi realizado um inquérito na comunidade académica da Universidade de Aveiro sobre riscos naturais, num contexto global e regional e uma consulta em Tuvalu por inquéritos electrónicos. Também foi feita uma consulta em Tuvalu, através de inquéritos electrónicos. Procurou-se compreender a percepção social dos riscos naturais, dos refugiados climáticos e do fenómeno de subida do nível das águas do mar neste inquérito. Duas realidades distintas são analisadas, a realidade dos riscos enfrentados por Portugal e a realidade dos riscos enfrentados por Tuvalu, com o intuito de perceber qual o percepção da sociedade sobre o tema. Os resultados deste estudo permitiram compreender a percepção dos inquiridos sobre riscos naturais, alterações climáticas em Tuvalu e sobre os refugiados climáticos. A percepção de um mesmo risco natural, como o caso da subida do mar, pode ser diferente para cada região. Verificou-se que a percepção das alterações climáticas em Tuvalu é pouco conhecida pela comunidade académica da Universidade de Aveiro e que esta acredita que os impactos da subida do nível do mar para Portugal e Tuvalu não os mesmos. A distância geográfica influencia a percepção do risco pela população, sendo que os indivíduos estabelecidos longe da ocorrência destes fenómenos apresentam um baixo nível de atenção aos mesmos. ABSTRACT: This research investigates the social perception of natural risks. It was made a literature review focusing on perception of natural risks, climate refugees and weather changes in Tuvalu. Subsequently, there are made inquiries at academic community the University of Aveiro about natural risks and weather changes in Tuvalu on a regional and global context. A consultation in Tuvalu was made by electronics inquiries. This research tries to understand the social perception of natural risks, climate refugees and the phenomenon of sea level rising. Two different realities are analyzed. The reality of risks faced by Portugal and the reality of risks faced by Tuvalu, with the aim of understanding the framework of society about this. The results of this research allowed understanding the perception about natural risks and weather changes in Tuvalu. The perception of the same natural risk, like sea level rise, can be different of each place. The perception of weather changes in Tuvalu is little known for academic community from University of Aveiro, and they believe that the impacts of sea level rise for Portugal and Tuvalu are not the same. The geographic distance makes influence at perception of risks; residents far away from this phenomenon present a low level of attention for this phenomenon.
description: Mestrado em Energia e Gestão do Ambiente
URI: http://hdl.handle.net/10773/618
appears in collectionsDAO - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado
PT Mar - Dissertações de mestrado

files in this item

file description sizeformat
2009000791.pdf6.17 MBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2