DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Instituto Superior de Contabilidade e Administração > ISCA - Artigos >
 O efeito vencimento dos futuros no ativo subjacente: evidência nos futuros sobre o PSI-20
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/5790

title: O efeito vencimento dos futuros no ativo subjacente: evidência nos futuros sobre o PSI-20
authors: Vieira, Elisabete F. Simões
keywords: Mercado de derivados
Mercado a contado
Efeito vencimento
issue date: 1999
publisher: Instituto Superior de Economia e Gestão
abstract: O sucesso do mercado de derivados impulsionou a investigação neste domínio, nomeadamente no que diz respeito à análise de possíveis influências entre este mercado e o mercado a contado, relativamente aos respectivos activos subjacentes. De entre os vários tipos de influências, destacamos o facto das rendibilidades dos activos subjacentes se comportarem de forma distinta no vencimento (ou na proximidade deste) dos contratos de derivados respectivos, sendo este efeito denominado por efeito vencimento. Este estudo pretende analisar o impacte que o vencimento dos futuros possa ter na rendibilidade e no volume de negócios dos respectivos activos subjacentes. Para a evidência empírica foi utilizado o índice bolsista PSI-20, bem como as quatro acções mais transaccionadas durante o período em análise, em termos médios, e que servem de activo subjacente para os futuros sobre acções portuguesas que são transaccionados na Euronext Lisbon. A base de dados é composta pelas rendibilidades diárias destes produtos financeiros para o período compreendido entre o seu lançamento no mercado de derivados e 30 de Outubro de 2002. A aplicação empírica levada a cabo teve como base modelos de regressão múltipla e testes para a detecção da existência ou não de multicolinearidade, heterocedasticidade e autocorrelação dos dados. Os resultados sugerem que, de um modo geral, não existe presença do efeito vencimento nos activos subjacentes analisados, tanto em termos de rendibilidade como volume de transacção, dado que estes não apresentam rendibilidades e quantidades transaccionadas significativamente distintas nos dias que circundam o vencimento dos contratos de futuros respectivos.
URI: http://hdl.handle.net/10773/5790
ISSN: 1647-225
source: Portuguese Journal of Management Studies
appears in collectionsISCA - Artigos

files in this item

file description sizeformat
EFEITOVENCIMENTO_2000.pdfDocumento principal249.41 kBAdobe PDFview/open
Restrict Access. You can Request a copy!
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2